Falando Sabedoria Entre os Perfeitos

25/10/2017

Falando Sabedoria Entre os Perfeitos

25 de outubro de 2017

Olinda - PE

Diógenes Dornelles

João 1:6-13

Houve um homem enviado de Deus, cujo nome era João. Este veio para testemunho, para que testificasse da luz, para que todos cressem por ele. Não era ele a luz, mas para que testificasse da luz. Ali estava a luz verdadeira, que ilumina a todo o homem que vem ao mundo. Estava no mundo, e o mundo foi feito por Ele, e o mundo não O conheceu. Veio para o que era Seu, e os Seus não O receberam. Mas, a todos quantos O receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no Seu nome; os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus.

João Batista foi uma testemunha para Israel a fim de fazer com que as pessoas cressem em Jesus. Israel como nação não creu em Jesus e nem no testemunho que João deu Dele, mas os eleitos receberam o seu testemunho. Nestes dias, pouco antes que o Filho de Deus voltasse, enviou uma outra testemunha Sua para que as igrejas entendessem de que Ele estava novamente aqui Se manifestando de uma forma peculiar. Sua Presença podia ser sentida nas reuniões por meio de sinais e maravilhas, e o irmão Branham estava com isso dando testemunho de que Sua Parousia estava aqui. Mas como Israel, que não pôde receber a Cristo e a Sua testemunha, as igrejas tampouco puderam receber a William Branham e a sua mensagem. No entanto, ele permaneceu até o fim de seu ministério como uma testemunha de que Cristo é verdadeiro e de que Ele está vivo entre nós.

Testemunha (03/03/1954) § 42 [Sem tradução]

E eu sou uma testemunha esta noite e você é uma testemunha. E Deus está mostrando sinais e maravilhas de que Ele ressuscitou a Jesus Cristo dentre os mortos. Amém. Como eu sei? Ele mora no meu coração. Como eu sei? Ele mostrou sinais e maravilhas diante das pessoas. Como eu sei? Ele me tirou da vida de pecado e me deu a vida de Cristo dentro de mim. E eu sei que Ele ressuscitou dos mortos. Eu sou uma testemunha.

Testemunhando da Luz

Como João Batista que foi enviado para dar testemunho da Luz, William Branham foi enviado para o mesmo fim, pois desde o seu nascimento, uma Luz o acompanhou, e ele veio para dar testemunho de que Aquela Luz foi a mesma Luz que guiou Israel pelo deserto e que também se encontrou com Paulo em Damasco para fazer dele o Seu apóstolo, quando ainda antes era um perseguidor.

Um Julgamento (27/04/1964) § 191 [Sem tradução]

E foi naquele momento em que esta Luz voltou e me mostrou a Escritura, que neste dia isto deve acontecer. Aqui está colocado aqui na Escritura agora. Já faz trinta e três anos, mas eu sou testemunha de que é a Verdade. Sou testemunha dessas coisas que é Verdade.

Assim como João Batista foi uma testemunha contra todos os que recusaram aquela Luz, William Branham foi uma testemunha deste dia contra todos os que recusaram a Luz do entardecer desta era final.

Os Ungidos dos Últimos Dias (25/07/1965) § 124

Oh, tantas coisas, como poderíamos simplesmente passar por elas; nosso tempo passaria. Mas vocês sabem o suficiente para saberem o que está certo e errado. E como posso fazer com que eles o façam? Como posso fazê-lo? Dizem: "com que motivo o senhor fica censurando?" Eu sou uma testemunha contra vocês. Algum dia, no Dia do Julgamento, vocês não terão um canto onde se esconder.

Portanto William Branham esteve entre nós como uma testemunha da Sua Palavra e do Seu poder.

Sobre as Asas de Uma Pomba Branca Como a Neve (28/11/1965) § 269

Pai, eu trago diante de Ti esta noite, a nossa irmã, e coloco as mãos sobre ela para testemunhar que estou de pé como testemunha de Tua força, de pé como testemunha de Tuas visões, da Tua Palavra e eu sou uma testemunha de que Tu és Deus. E eu coloco as mãos sobre ela em obediência à Palavra do meu Deus e peço por sua cura. Amém.

Testemunhas (04/10/1956) § 12 [Sem tradução]

Eu não sei, porém existe uma coisa: eu sou uma testemunha esta noite de que há um Deus. Eu testemunho esta noite de que Ele vive, e eu sei que Ele é verdadeiro e que Ele mantém a Sua promessa. Quão agradecidos nós deveríamos ser de ter esse privilégio de ser uma testemunha.

Um Julgamento (12/04/1964) § 184

Quantos se lembram, que eu disse que isso aconteceria, Ele disse isso: "Você saberia o próprio segredo do coração"? Levante a mão. Vê? E fez isso? [A congregação diz: "Amém". - Ed.] São trinta e três anos depois. Isso não aconteceu naquele momento. Ele entra, como uma semente crescendo. Ele apareceu, como a Palavra de Deus. E, hoje, eu sou uma testemunha de que Ele vive. Eu sou uma testemunha de que Ele cura.

E todos os que creem nessa Mensagem, devem ser uma testemunha Dela também.

O Sepultamento (20/04/1957) § 24

Oh, é dessa maneira como um verdadeiro crente deve vir, não escorregar num canto, mas comparecer diante de testemunhas: "Eu sou testemunha do Senhor Jesus, do Espírito Santo e das Suas grandes obras" e tanto mais quanto vemos esse dia mal se aproximando.

Crendo em Cristo Por Meio de Elias

O apóstolo João também nos disse que João Batista foi enviado como uma testemunha de Cristo para que todos pudessem crer por meio dele. Jesus disse aos Seus discípulos que João Batista era aquele que deveria vir como um Elias para precursar a Sua vinda. Então foi necessário o ministério de Elias para que as pessoas pudessem por meio dele, crer em Jesus. E da mesma maneira, foi necessário nesse tempo do fim, Deus ter nos enviado um outro profeta com o mesmo ministério de Elias, para que por meio dele, os crentes recebessem a Cristo e obtivessem a sua fé de arrebatamento.

O Anjo de Deus (04/03/1947) §§ 52-53 [Sem tradução]

Agora, você - você - você crê em Deus, não crê? Agora, assim como você tem crido em Deus, creia em mim, de que aquele Anjo de Deus desceu e me disse isso. Você já ouviu a história, ouviu irmã? Você já ouviu a história de como isso veio? De que o Anjo do Senhor veio até mim? Sim. Enquanto eu estava no quarto. Desde menino eu tive um chamado para mim. E eu estava no quarto... [Espaço em branco na fita - Ed.] Batendo bem no chão. Um Ser sobrenatural veio entrando no quarto. Um Anjo disse que foi enviado da Presença de Deus. Ele disse: "Se você fizer com que as pessoas creiam em você, e for sincero quando você orar, nada estaria diante de sua oração, nem mesmo o câncer". Então você me perguntaria: "Todo mundo está são, irmão Branham?" Todo mundo que realmente crê fica são. Milhares foram curados.

E hoje podemos dizer que milhares que creram em Cristo por meio de Sua testemunha destes últimos dias "ficaram sãos".

Convém Que Ele Cresça e Eu Diminua

Porém veja que João não ensinou a ninguém a crer que ele mesmo fosse o Cristo, mas que era necessário crer no seu ministério e no que ele falava para que tivessem a revelação de Quem Cristo era.

João 1:28-30

Vós mesmos me sois testemunhas de que disse: Eu não sou o Cristo, mas sou enviado adiante Dele. Aquele que tem a esposa é o Esposo; mas o amigo do Esposo, que Lhe assiste e O ouve, alegra-se muito com a voz do Esposo. Assim, pois, já este meu gozo está cumprido. É necessário que Ele cresça e que eu diminua.

E da mesma maneira o irmão Branham não queria que ninguém pensasse que crer nele significaria que ele mesmo fosse o próprio Cristo, mas que Cristo estava aqui mostrando estar presente em nosso meio cumprindo o que havia sido prometido.

Um Maior do Que Salomão Está Aqui Agora (06/03/1964) § 220

Agora, lembre-se, eu não sou Jesus Cristo. Eu sou seu irmão, um pecador salvo pela graça. Eu sou como você é. Mas é Jesus Cristo, o Espírito Santo que está aqui conosco, guardando a Sua Palavra. Ele não precisa fazer isso, mas Ele prometeu que Ele faria isso. Jesus não teve que curar os doentes, mas a Bíblia disse: "Ele fez isso, para que se cumprisse o que foi prometido Dele".

O ministério de William Branham foi para revelar a Cristo novamente para as pessoas, porém o irmão Branham não veio para nos revelar o Cristo dos trinitários, nem o Cristo dos unicistas e nem muito menos o Cristo das testemunhas de Jeová, mas o Cristo dos apóstolos, o Cristo da Bíblia. Foi para este Cristo que William Branham veio nos apontar.

Somente os Eleitos Dão Testemunho da Verdade

Porém como vimos, não foram todos que deram testemunho nos dias de João de que a sua mensagem era verdadeira, e assim, não são todos que dão testemunho dessa Mensagem a não ser aqueles que foram eleitos para testemunhar Dela. Isso nada tem a ver com ser membro de uma igreja ou por ser filho de alguém que é crente em Deus, mas tudo depende da eleição, pois somente os eleitos são filhos de Deus.

O apóstolo João disse que aqueles que foram feitos filhos de Deus não o foram porque isso estava em seu sangue, como algo que viesse de seus ancestrais consangüíneos. Também ninguém se torna filho de Deus por causa da sua própria vontade ou por seu livre arbítrio, pois o homem pecador só pode por sua natureza caída escolher aquilo que é mal, e ninguém pode determinar o seu destino eterno ou futuro por meio de volição humana.

Jeremias 10:23:

Eu sei, ó Senhor, que não cabe ao homem determinar o seu caminho, nem ao que caminha o dirigir os seus passos.

Em outras traduções é dito que não cabe ao homem determinar o seu futuro ou o mesmo o seu destino. Então se não é o homem quem determina os próprios passos da sua vida, quem faz isso?

Provérbios 20:24

Os passos do homem são dirigidos pelo Senhor; como, pois, poderá o homem entender o seu caminho?

Então o homem não pode por livre arbítrio, que é a sua vontade carnal, se tornar um filho de Deus. E tampouco pode alguém ser filho de Deus pela vontade carnal dos outros, seja dos seus pais terrenos ou mesmo de algum ministro, mas é Deus mesmo que os faz serem filhos Seus.

Deus Não Tem Netos

Portanto, uma pessoa que pensa ser cristão somente porque veio de um lar cristão estaria pensando que Deus possui netos, quando na verdade Ele possui somente filhos e filhas nascidos de novo. Cada um deve ter a sua própria experiência do novo nascimento, do contrário, embora alguém seja membro de alguma igreja qualquer, ele será apenas alguém que nasceu pela metade.

Conferência Com Deus (08/01/1960) § 27 [Sem tradução]

Muitas pessoas que são nascidas pela metade, parte do caminho nascidos... Netos, como David duPlessis disse na outra noite: "Deus não tem netos. Ele só tem filhos e filhas". Mas quando se trata de um neto, que é simplesmente trazido por um - porque sua mãe foi pentecostal ou o seu pai foi pentecostal, ele se torna parte da igreja... Não, senhor. Ele deve nascer exatamente como o seu pai nasceu, porque Deus não tem netos. Ele tem que ter a experiência. Ele não pode entrar na experiência do papai ou na experiência da mamãe; você deve ter a sua própria experiência. Esse foi o nascimento deles. Sabe, você também deve ter um nascimento. Deus não reconhece netos; Ele não tem nenhum. Eles são todos filhos e filhas. Você diz: "Bem, eu nasci... E minha mãe e meu pai eram metodistas, e eu fui levado para a igreja metodista". Está tudo bem. Mas você é um neto até que você nasça do Espírito de Deus; então você não é um neto.

Então veja que pessoas que vivem em uma igreja apenas por causa da influência de algum outro, são os que o irmão Branham chamava de pessoas nascidas pela metade. Elas estão ali pela experiência de algum outro, embora eles mesmos ainda não vivessem isso, o que significa que eles podem viver uma vida que não corresponda com a Palavra, porque eles ainda estão correndo o risco de serem seduzidos por qualquer tipo de espírito, além do Espírito de Deus. Não importa quanto tempo alguém assim permaneça numa igreja, a menos que haja uma verdadeira transformação, cedo ou tarde ela voltará para o lugar de onde saiu.

Espíritos Sedutores (24/07/1955) § 146

Nosso Pai celestial, quando vemos estes espíritos sedutores sobre as pessoas, e sabendo que estão menosprezando as coisas de Deus, eu rogo, Deus, que Tu consigas cada homem e mulher aqui dentro hoje. Deixa que seja este dia, Senhor, quando compreenderão que suas vidas não correspondem com a Palavra. E que têm ouvido o errado, que o diabo os tem aquietado com revistas de História Verdadeira, tolices apodrecidas do mundo, e com apresentação de filmes e com televisão imunda. Ó Deus, coisas tão impossíveis de um cristão ver! Deus, isso nos dá náusea. Tu disseste que isso Te dá náusea, como vômito. Tu disseste: "O cão volta ao seu vômito, e o - e o velho porco volta ao seu lamaçal." Um velho cão vomita algo. Ver uma pessoa nascida pela metade, que supõe-se ser, hipócrita, vem ao altar, e como se fosse vomitar o mundo; ainda continua a mesma coisa, volta e come a coisa novamente. Ó Deus, limpa a Tua Casa, Senhor. Aleluia! Envia o Espírito Santo em tal convicção à moda antiga a ponto que limpe o apetite da pessoa e limpe sua alma, e a limpe completamente e a faça uma criatura que segue rumo ao Céu. Dá-lhe... Renova sua juventude e seus votos como a águia, para que ela possa subir e sobrepujar as coisas deste mundo, e subir para os Céus além onde ela possa ver os problemas se aproximando à distância. Concede, Senhor.

Cada Um Deve Ter a Sua Própria Experiência Com Deus

Então cada um deve ter a sua própria experiência, e não basear-se na experiência de algum outro - seja de seus pais ou de seu conjugue - ou mesmo de sensações que obtemos, mas de algo realmente palpável e que seja uma vindicação bíblica, pois a Palavra de Deus deve ser a nossa única base e fundamento.

Debate Sobre Línguas (07/08/1960) § 2 [Sem tradução]

A Escritura é absolutamente a nossa base. Não podemos basear nossa salvação em sensações, em experiências de outros, ou em nossa própria experiência (ou em nossas próprias sensações). Tem que ser na Palavra de Deus (vê?), porque essa é a... essa é a verdadeira marca.

Todos os profetas enviados por Deus tinham que ter uma experiência com Deus e com Sua Palavra, como Moisés teve que estar face a face com Deus. Porém essa é uma experiência que cada filho de Deus também necessita ter, pois ninguém pode desejar chamar-se de cristão, que quer dizer "semelhante a Cristo", sem ter alguma experiência pessoal com Ele.

Hoje Esta Escritura Está Cumprida (19/02/1965) §§ 90-91

Moisés, sabe, era um homem chamado por Deus, um profeta. E enquanto ele estava sendo chamado, sendo um profeta, ele teve que ter uma experiência sobrenatural. Para ser um profeta, ele teve que encontrar Deus face a face e conversar com Ele. E outra coisa, o que ele disse tinha que acontecer, ou ninguém teria acreditado nele. Portanto, ninguém tem o direito de se chamar assim até que ele tenha falado face a face com Deus, na parte de trás de um deserto em algum lugar, onde ele conhecesse o próprio Deus. E todos os ateus do mundo não poderiam explicar longe isso dele; ele estava lá, ele sabia que isso aconteceu. Todo cristão deve ter essa experiência antes de dizer qualquer coisa sobre ser cristão. Sua própria experiência!

O Fundamento da Igreja é a Doutrina de Cristo

A marca do crente é ter sua vida, experiências e sensações baseadas no fundamento da igreja que é Cristo, a Palavra revelada. O irmão Branham ensinava que toda a igreja está fundamentada sobre uma revelação, essa é a base da Igreja, e Paulo disse que Cristo é o único fundamento da igreja.

1 Coríntios 3:10-11

Segundo a graça de Deus que me foi dada, pus eu, como sábio arquiteto, o fundamento, e outro edifica sobre ele; mas veja cada um como edifica sobre ele. Porque ninguém pode pôr outro fundamento além do que já está posto, o qual é Jesus Cristo.

Então como o fundamento da igreja está baseado no que Cristo é e na doutrina que Ele entregou aos Seus apóstolos, o cuidado que todo o crente deve ter é de procurar se assegurar de que a sua doutrina ou inspiração esteja baseada somente no Assim Diz o Senhor, pois Deus não irá reconhecer nenhum testemunho baseado em alguma outra doutrina que seja diferente daquela que Ele nos ensinou.

A Serpente de Bronze (21/11/1953) § 4 [Sem tradução]

Eu quero começar isto sobre a Palavra de Deus, pois afinal de contas, Este é o único fundamento sobre o qual alguém pode edificar corretamente. Deus nunca irá reconhecer qualquer fundamento a não ser esta Palavra. "Porque nenhum outro fundamento pode ser colocado além do que já está posto". É isso...? E esta é a Palavra de Deus no princípio, se qualquer outra coisa for dita, se isso não se compara com esta Palavra, então não é de Deus, eu não pensaria; porque a Bíblia diz: "Aquele que tira ou acrescenta, o mesmo deve ser retirado, sua parte, do Livro da Vida". Então nós queremos ter a certeza de que nós guardamos nossa doutrina sempre sobre o ASSIM DIZ O SENHOR. E se em algum momento qualquer pessoa descobrir algo em minha reunião que não esteja baseado na Palavra de Deus, você deve isso a mim como um irmão ou uma irmã, de me informar sobre isso. Venha até a mim, escreva-me, de alguma forma me avise; eu certamente quero isso.

Copiando Uma Religião

A palavra que recebemos é um reflexo do que somos, então nossa fé nunca deveria estar baseada em alguém ou na fé ou sabedoria de alguém. E quando alguém recebe uma fé errada isso mostra que ela já veio a este mundo destinada para isso, pois essa é a sua natureza. Outros, porém, se satisfazem apenas por viver uma vida religiosa, sem ter tido uma experiência real com Cristo, mas apenas copiando a religião de um outro.

Influência (14/11/1963) § 58 [Sem tradução]

Não tente jamais pegar o lugar do outro. Deus fez você uma determinada coisa, e fique assim. Certo. Fique exatamente o que você é. Não tente personificar o outro. Isso é o que sempre arruína os dons que Deus envia ao mundo. Encontramos tantas imitações carnais, e encontramos alguém que tenta copiar um ao outro.

Vida Escondida Com Cristo (13/02/1956) § 31

E isso é o que há de errado com o nosso país hoje, com as nossas igrejas, estão tentando copiar um após a outra. E eles se assentam com as suas cabeças na televisão e coisas. E tentam personificar ou copiar após alguma coisa suja que eles viram na televisão, e depois trazem isso para a igreja do Deus vivo. E as mulheres e homens santos fazem o mesmo, ou que afirmam ser santos.

Portanto alguém que se diga um cristão não deve tentar copiar a fé ou imitar a vida religiosa de algum outro, mas buscar ter a sua própria experiência com Cristo.

Absoluto (30/12/1962) §§ 129-130

Não aceite a experiência de algum outro. É por essa razão que o cristianismo tem se tornado como criançinhas na Bíblia, ou, e não, perdoe-me, criancinhas na escola. Eles tentam copiar um ao outro. E se aquele sujeito estiver errado, a coisa toda está errada. (Se alguém aceita uma falsa doutrina só porque quis seguir a outro que crê nela, estará errado junto com ele, e o irmão Branham diz aqui que a maioria dos cristãos vivem dessa maneira) Vê? Você tem um bando deles errado. Oh, que coisa! Não copie. Encontre-O, você mesmo.

Conhecem a Palavra Mas Não Conhecem o Seu Autor

Mas encontrar a Cristo significa mais do que apenas conhecer a Sua Palavra. O irmão Branham sempre chamava a atenção para o fato de que não adianta conhecermos a Palavra se não conhecermos o Autor Dela. Quando fazemos um inventário das nossas experiências, deveríamos ser sinceros e avaliar se o que sabemos é apenas o que aprendemos de um outro por uma concepção intelectual, ou se temos as nossas próprias experiências para testemunharmos de que Deus é real e que Ele está conosco.

A Rainha de Sabá (17/05/1957) §§ 20-21 [Sem tradução]

O evangelho de Cristo tem sido rejeitado. Você não quer acreditar nisso, mas é um fato notável. É a verdade; é uma pena, mas é a verdade. E eu acho que, se for esse o caso, cada um de nós deveria fazer um inventário de nossa própria experiência e de nossa própria posição com Deus e ver como ficamos à Sua vista. Não por alguma tradição, nem por um trabalho mental, mas por aquela comunhão fechada e escondida... Não por causa de nossa concepção intelectual de Seu credo, ou do credo da igreja, ou mesmo do conhecimento que tivemos com a Palavra, pois algumas pessoas conhecem bem a Palavra, mas não conhecem o Autor.

Mas o que significa exatamente dizer que alguém conhece a Palavra, mas não o Autor Dela? Significa a mesma coisa que Paulo disse aos crentes de Corinto. Eles conheciam a Palavra de Deus e até mesmo possuíam dons espirituais, porém mesmo assim, ele os chamou de carnais. Paulo disse aos crentes de Corinto em 1 Coríntios 3:16: "Vós sois santuários de Deus", porém ao mesmo tempo ele também disse, um pouco antes disso, no versículo 3: "Vós ainda sois carnais". Então embora alguém possa ser um santuário e despenseiro dos mistérios de Deus, ele ainda assim pode estar agindo ou pensando carnalmente.

E um dos exemplos da carnalidade dos coríntios citado por Paulo foi quando alguns deles diziam que eram discípulos de Apolo, enquanto outros diziam ser de Pedro ou mesmo de Paulo, enquanto o apóstolo disse que nem um ou outro é alguma coisa, a não ser Deus que realmente dá o crescimento. Portanto se eles realmente conhecessem a Deus, não estariam colocando os seus olhos nos vasos apenas, mas no Deus que estava usando aqueles vasos, e buscando uma identificação com Ele somente, e não como homens que alegam seguir.

O Que Vale é a Eleição

Uma outra característica de um crente carnal é de que ele tentará copiar ou personificar a vida de um cristão, ao invés de ter a própria Vida de Cristo vivendo em si mesmos.

Ouvindo, Reconhecendo e Agindo Sobre a Palavra de Deus (21/02/1960) §§ 35-36

A mesma coisa com Esaú e Jacó... Esaú parecia um homem melhor. Ele se estabeleceu e fez coisas caritativas. Ele - ele cuidou do seu velho pai cego, trouxe a ele um veado e cuidou dele, e era um bom rapaz. Há muitas coisas que os crentes carnais fazem na linha da religião, ajudam sociedades e - e pagam as contas do hospital para pessoas e coisas religiosas. Mas não é disso que estou falando. Moabe era bom, uma grande nação, um irmão para ele. E Jacó tinha feito de tudo; ele tinha sido um renegado; mas ainda assim ele tinha uma coisa a conseguir: que era obter aquela promessa, aquele direito de primogenitura. Aqui vem Israel, os filhos de Jacó, com o mesmo objetivo. Agora, quem estará certo? Balaão construiu sete altares; em Israel, havia sete altares. Balaão ofereceu sete sacrifícios de animais limpos; Israel ofereceu sete sacrifícios de animais limpos. Até aí, se o tomassem ritualmente, Moabe era tão religioso quanto Israel, e Esaú tão religioso quanto Jacó, e Caim tão religioso quanto Abel. Mas é a eleição que é válida.

Alguém pode copiar tudo, personificar tudo, fazer exatamente igual a tudo que os filhos de Deus fazem, porém a eleição não pode ser copiada. E um filho da eleição é alguém que vive totalmente separado das coisas carnais do mundo enquanto que um crente carnal jamais poderá ser comparado a ele, ainda que Deus possa encontrar utilidade em alguém assim, porém sua fé é bastante restringida, não podendo ir além do que a sua capacidade limitada de crer.

A Palavra de Deus Chama Para Uma Total Separação da Incredulidade (21/01/1964) §§ 75-77

Todos esses crentes, nós poderíamos continuar por horas, todos estes eram como um monte de dinheiro no seu bolso, nas mãos de Deus. Você tira um monte de moedas. Há moedas de um centavo, moedas de dez centavos, vinte e cinco centavos, cinquenta centavos, um dólar, tudo em moedas. Agora, é assim que o mundo está nas mãos de Deus. (O irmão Branham está dizendo com isso que há vários tipos de crentes na economia de Deus, alguns com grande maturidade e outros nem tanto) Há algumas pessoas que só podem ter um centavo, e Deus só pode usá-las como uma moeda de um centavo. Isso é tudo que eles podem comprar. Não os rejeite. Se eles não conseguem crer na Verdade real, não as despreze, não os expulse e diga que não estão dentro disso, porque Deus usa centavos às vezes. Ló era apenas um centavo, Abraão era um dólar de prata, então era preciso uma centena de Lós para fazer um Abraão. E assim demorará... Cem crentes carnais nunca ficarão na presença de um cristão genuíno que esteja separado das coisas carnais do mundo, vivendo em Cristo Jesus, onde a Palavra pode fluir através dele. Ele só pode tirar o valor de um centavo; isso é tudo o que ele tem. Então, você vê pessoas que dizem: "Eu não creio em curas. Eu não creio nessas coisas", só sei que é um centavo, mas apenas deixe-o em paz. Vê? Apenas um centavo, e assim é tudo o que ele pode comprar. Não o detenha; apenas deixe-o só. Lembre-se, isso é simplesmente o mais longe que ele consegue ir.

Os Crentes Carnais São Propriedade de Homens

Outra diferença que podemos apontar é que um crente genuíno é propriedade de Cristo, enquanto que um crente carnal torna-se propriedade de um sistema humano onde os homens lhes dizem no que eles devem crer e no que o irmão Branham disse que eles não deveriam crer. Eles também lhes dizem com quem eles devem ter companheirismo e com quem eles não devem ter; tudo isso porque tais crentes são na verdade propriedade do homem. Portanto um crente carnal é escravo de um sistema, mas um crente genuíno é verdadeiramente livre.

Ouvindo, Recebendo e Agindo (07/06/1960) §§ 8-9

Quando às vezes me refiro a uma condição de igreja, ou a uma denominação, ou algo assim, muitas vezes os meus irmãos se enganam comigo quando eu digo isso. Não me refiro a homens cheios do Espírito que se mantêm como pastores e alimentam o rebanho de Deus, que são ordenados pelo Espírito Santo para fazer isso. Eu estou falando de crentes carnais que tentam assumir o lugar desses homens. E nós verificamos que Esaú realmente representou o crente carnal. Ele era um homem terrenal, e era da terra, e era muito inclinado a ser religioso. (Todo crente carnal é bastante religioso, mas lembre-se que ele somente atua assim para tentar copiar o artigo genuíno) Ele teve sua religião exatamente como o mundo tem hoje. A maioria das pessoas com quem você fala, elas têm uma religião de algum tipo, quer elas frequentem a igreja ou não. Mas elas, talvez uma vez por ano, ou as mulheres gostam de passar a Páscoa para mostrar o seu novo chapéu, e os - os homens gostam de ir de vez em quando, quando estão tendo algo acontecendo que os entretêm. E eles eram como um bebê, dispersos e o nome é colocado no livro da igreja, e eles são propriedade da igreja. Eu nunca poderia passar por isso. Nós... O homem não é propriedade da igreja, nem é o homem propriedade do estado. O homem é propriedade de Deus: filhos e filhas de Deus, e nós pertencemos a Ele porque somos comprados com um preço. E que preço precioso, o Filho de Deus.

Todo Avivamento Produz Gêmeos

Foi por essa razão que o irmão Branham ensinava que todos os avivamentos produzem gêmeos, pois os crentes carnais e os espirituais sempre andam juntos, onde um tenta copiar e personificar o que o outro crê e faz.

Ouvindo, Recebendo e Agindo (07/06/1960) § 16

Então nós verificamos que cada avivamento que já nasceu no mundo produz gêmeos. Isso mesmo. Todo avivamento tem gêmeos. Eles têm um grupo lá dentro que são crentes carnais e um grupo de crentes espirituais. Todo avivamento produz isso: um Esaú e um Jacó. E enquanto eles avançam, a primeira coisa que você sabe é que o carnal começa a pensar: "Bem, esses sujeitos estão saindo do fundo. Melhor eu me separar deles". Eles voltam para a parte intelectual. Eles querem um pastor que lhes fale de coisas agradáveis. Eles não querem aquele pastor cheio do Espírito, que obedecerá ao Espírito Santo na plataforma, e que simplesmente pregue a Palavra exatamente como Ela é.

A Era da Igreja de Éfeso (5/12/1960) § 113 [Sem tradução]

Agora, como eu disse para começar, antes que comecemos isto de novo, todo avivamento produz um par de gêmeos. Um deles é um homem espiritual, o outro é um homem natural da terra: "Eu entrei na igreja, eu sou tão bom quanto qualquer um". E é isso que este avivamento produziu. Isso é o que todo avivamento... Isso é o que o de Lutero produziu; isso é o que o de Irineu produziu; isso é o que o de São Martin produziu; isso é o que o de Columba produziu; isso é o que o de Wesley produziu; e isso é o que o do pentecostes produziu. Exatamente. Veja como eles têm morrido para a semente.

Os Princípios Elementares da Fé Cristã Passados Por Alto

Quando Paulo disse aos coríntios que ninguém deveria por outro fundamento além daquele que já havia sido posto, o qual era Cristo, é porque os crentes carnais possuem uma tendência de mover os fundamentos originais da Palavra e substituí-los por outros. Porém não pense que isso era um privilégio apenas daquela igreja gentia, pois os judeus também mostraram estar propensos a isso, devido à sua arrogância em não aceitar que eles precisavam aprender algo.

Hebreus 5:11-12

...Temos muitas coisas que dizer e difíceis de explicar, porquanto vos tendes tornado tardios em ouvir. Pois, com efeito, quando devíeis ser mestres, atendendo ao tempo decorrido, tendes, novamente, necessidade de alguém que vos ensine, de novo, quais são os princípios elementares dos oráculos de Deus; assim, vos tornastes como necessitados de leite e não de alimento sólido.

Aqui o que o autor estava dizendo era: "Eu gostaria de tratar com vocês hebreus das coisas profundas de Deus e da Sua Luz que tem brilhado sobre nós neste dia, mas só do que vocês querem tratar é das sombras da lei. Vocês ainda necessitam que repassemos de novo todas aquelas coisas que já eram para vocês terem assimilado há muito tempo".

Por serem princípios elementares e básicos, era para serem fáceis de compreender e de assimilar, porém a tradição humana distancia a mente do homem para tão longe da Palavra de Deus, que até mesmo aquilo que era para ser tão óbvio, fica velado aos olhos de um incrédulo, e nós temos sido testemunhas de o quão danoso isso tem sido ainda em nossos dias.

No ano de 2016 o jornalista Alexandre Garcia ganhou notoriedade em todas as redes sociais com a divulgação de um áudio que repercutiu em todas as mídias, onde ele divulgava recentes estudos da Associação Americana de Pediatria e do Chefe da psiquiatria do Hospital da Universidade John Hopkins, que afirmavam que todos os animais, inclusive os seres humanos, nascem com sexo biológico. Assim como no reino animal, e na classe dos vertebrados, dos mamíferos, dos primatas, na família dos hominídeos, etc, o gênero humano também possui os seus machos e fêmeas. Como todos sabem, isso é um fato biológico incontestável e que qualquer criança mesmo em tenra idade, sabe assimilar perfeitamente. Mas por que um estudo tão óbvio e banal como esse ganhou tanta notoriedade assim? Isso tem a ver com a nova teoria que tem sido implantada sobre a ideologia de gênero, onde o sexo não seria na verdade algo biológico, mas apenas uma opção de escolha do indivíduo, onde cada um deveria decidir o que pretende ser, e que o aparelho reprodutor não deveria mais ser satisfatório para determinar naturalmente o gênero sexual de alguém.

E assim como muitos vêm aceitando em suas mentes tais ideologias "politicamente corretas", notícias como essas da Universidade Hopkins acabam se tornando algo totalmente novo e sensacional, pois elas estariam ajudando a sociedade a refrescar sua memória e ser reeducada sobre conceitos básicos que algumas mentes degeneradas tentaram invalidar. Porém não faltam vozes para dizer que a mencionada Universidade estaria sendo homofóbica e subversiva.

Mas assim como aquilo que ocorre no natural acaba também tipificando no espiritual, esse mesmo problema, em um certo grau, tem sido evidenciado até mesmo dentro da própria Mensagem. Temos durante anos em nosso país ajudado a inúmeros irmãos da Mensagem a aceitar certos ensinos básicos do irmão Branham que foram totalmente desprezados pela maioria dos ministros que a pregam, como a verdade de que Jesus não poderia ser o Seu próprio Pai; de que Deus tem um Filho e que Ele possuía uma preexistência com Deus como um Ser que Deus gerou, mas não criou; de que Deus não é um como o seu dedo é um; de que o Filho não é a Deidade, mas a Deidade habitou no Filho; de que a era de Laodicéia ainda não acabou; que Cristo ainda não veio mas já tem aparecido; de que ninguém é salvo por livre arbítrio, etc. Quando paramos para refletir sobre isso, é vergonhoso saber que tivemos que tratar de coisas tão triviais e básicas da fé cristã para um povo que reclama ser mais esclarecido que todos as organizações denominacionais. Mas porque a maioria perverteu a Mensagem de William Branham pregando a falsa doutrina unicista e outros ismos, todas essas coisas se converteram em novidade para homens que deveriam ser mestres desses assuntos. Entretanto, por serem tardios em ouvir e por terem se sujeitado a um sistema que escraviza mentes humanas, não conseguiam compreender. E mesmo assim, somos até mesmo acusados de pregar algo que não seja bíblico a fim de nos desacreditar, da mesma maneira como jornalistas e homens da ciência sinceros estão sendo acusados de disseminar uma mentira.

Muitos Não Conseguem Chegar Sequer na "Primeira Base"

Usando as figuras de um jogo de beisebol, o irmão Branham disse que se alguém não conseguir compreender a questão envolvendo a Divindade de Jesus, eles nem sequer atingiram a primeira base, porque isso são princípios elementares da fé cristã que todos deveriam saber.

A Visão de Patmos (04/12/1960) § 144 [Sem tradução]

A maior de todas as revelações é a Deidade, a Divindade Suprema de nosso Senhor Jesus Cristo. Você não pode chegar à primeira base até que você creia nisso e saia... Foi o que Pedro disse: "Arrepende-se e depois veja a Deidade. Seja batizado no Nome de Jesus Cristo para a remissão de seus pecados e então Você está pronto para entrar no Espírito". A primeira coisa que você precisa saber é a Deidade de Cristo.

Portanto para alguém que vive uma vida religiosa e formal ainda está muito longe de chegar a essa primeira base. Para o irmão Branham, chegar à primeira base é ir além do conhecimento intelectual de Cristo, mas é experimentar o novo nascimento oriundo dessa revelação.

Mas Não Foi Assim Desde o Princípio (11/04/1961) § 36

Não importa o quanto você tente ir à igreja, a quantas igrejas você pertence, isso não tem nada a ver com isso, não significa nada para Deus, nem significa que você tenha começado até mesmo na primeira base da salvação. A salvação não vem pela denominação ou pela instrução. É por uma experiência de nascer novamente do Espírito de Deus com o Espírito de Cristo que vive em seu corpo. Agora, isso é verdade.

Então veja que passar pela primeira base é receber a compreensão e revelação de Cristo, pois para o irmão Branham, é isso que dará ao cristão a experiência do novo nascimento, o qual é algo que não pode ser personificado ou copiado.

Cristo é o Mistério (28/07/1963) § 234

O que é o novo nascimento então? Você diria: "Bem, irmão Branham, o que é o novo nascimento?" É a revelação de Jesus Cristo pessoalmente para você.

Porém isso vai muito além de uma simples concepção intelectual de Quem Cristo é, porque a revelação de Cristo ocorre quando o crente passa a estar plenamente identificado com Ele, enquanto que o crente carnal está identificado apenas com o sistema ao qual ele pertence e aos seus líderes: "Eu sigo fulano" ou "Eu sigo siclano". Este jamais chegará à primeira base assim.

O Sinal (01/09/1963) § 429

Não é de se admirar que não consigamos chegar à primeira base lá, como chamamos isso; perdoem a expressão. Não é de se admirar que eles não consigam chegar a nada a não ser regressar às denominações e fabricar uma porção de pessoas bem vestidas, polidas, intelectuais, instruídas. Nunca chegam a lugar algum, porque, o que eles expõem é isso: "Sou metodista. Sou presbiteriano." É só isso o que são.

Uma Fé Apoiada no Poder de Deus

Procure ter em mente as palavras do irmão Branham de que todo avivamento produz gêmeos. O irmão Brian disse que a palavra "avivamento" pode ser usada em referência a uma agitação por aqueles que têm sido indiferentes na fé e que os traz de volta a uma vida significativa e útil. Essa palavra "avivamento" também se refere a trazer de volta à vida ou trazer de volta à utilidade. Deus nos enviou um avivamento nesse tempo do fim com uma testemunha do poder e da Luz da Palavra de Cristo a fim de agitar e trazer de volta à vida a igreja que havia sido indiferente a esta Palavra no decorrer das eras, mas ao mesmo tempo, há um grupo formal e carnal que tem surgido junto a essa igreja, que embora tente se assemelhar a ela, sua fé não está apoiada na sabedoria de Deus.

Dizer então que cada um deve ter a sua própria experiência com Deus, e não se basear na experiência de algum outro, significa que este é o único caminho para que cada cristão possa atingir a sua maturidade espiritual.

1 Coríntios 2:4-8

A minha palavra, e a minha pregação, não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito e de poder; para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria dos homens, (Ou seja, não se apóia em opiniões e experiências pessoais de terceiros) mas no poder de Deus. Todavia falamos sabedoria entre os perfeitos; não, porém, a sabedoria deste mundo, nem dos príncipes deste mundo, que se aniquilam; mas falamos a sabedoria de Deus, oculta em mistério, a qual Deus ordenou antes dos séculos para nossa glória; a qual nenhum dos príncipes deste mundo conheceu; porque, se a conhecessem, nunca crucificariam ao Senhor da glória.

A palavra que Paulo usou aqui para "perfeitos" veio do grego "teleios" (τελε ιος), que quer dizer algo ou alguém "que não carece de nada necessário para estar completo"; significa também "adulto, maturo, maior idade". Então um cristão perfeito é aquele que conseguiu deixar as coisas de menino e superar os princípios elementares da fé de Cristo, passando da primeira base e avançando para algo mais sólido, que é ter uma experiência real com a Pessoa de Cristo, ao invés de obter apenas uma concepção intelectual Dele, ainda que correta.

Expectativa (01/10/1955) § 24 [Sem tradução]

Ora, Deus não é conhecido pela fé intelectual. Deus é conhecido pela experiência do novo nascimento, somente. Jesus disse: "Aquele que não nascer de novo do Espírito de Deus, nem sequer pode ver o reino de Deus". Agora, qualquer estudioso da Bíblia aqui sabe que a palavra "ver" aí não significa "ver com o seu olho". Significa "entender". Você, você diz: "Eu...". Olhando para uma coisa ou outra, e diz: "Eu simplesmente não vejo isso". Você quer dizer que você não entende isso. Você está olhando diretamente para isso. Você olha com seus olhos, mas entende com o seu coração. Isso mesmo. Você não pode compreender isso. E ninguém pode saber nada de Deus, até que primeiro você seja nascido do Espírito de Deus. A Bíblia diz: "Ninguém pode chamar Jesus de Cristo. Somente pelo Espírito Santo", é a única coisa que... Você pode dizer: "Bem, eu creio que Ele é o Filho de Deus". Se você não nasceu de novo, você está tomando a palavra de alguém quanto a isso. (Se você diz que crê que Jesus Cristo é o Filho de Deus só porque você creu em um homem que disse isso, mas não porque o Espírito Santo te revelou, então isso não irá frutificar, porque esse seu conhecimento irá somente para o intelecto) Você diz: "Assim diz a Bíblia". É isso mesmo; a Bíblia está correta, mas e quanto a você? Você diz: "O pregador disse assim". O pregador está certo, mas e você? (Eu já vi pessoas nesta Mensagem crendo na fé do Filho de Deus e admitindo que ela fosse verdadeira, mas um dia eles ouviram algum sermão ou vídeo de um ministro com uma unção unicista e eles já não puderam mais continuar crendo que aquela sua fé era bíblica. Por quê? Porque até então eles estavam se baseando somente no que eu e outros disseram, mas o Espírito Santo não havia revelado isso a eles, o que significa que toda a informação que eles receberam foi somente para o intelecto mas não para os seus corações) "A mãe disse assim". A mãe está certa, mas e quanto a você? É uma experiência pessoal de si próprio de que você tem que nascer de novo ou você nunca entenderá Deus.

A Próxima Base é a Adoção

Quando Paulo disse que nossa sabedoria não deve se basear na sabedoria dos homens, mas apenas no poder de Deus ele estava dizendo que a nossa fé deveria se basear na vindicação de Deus somente, que vem a nós pela revelação de Cristo e de Seu poder. Essa seria a próxima "base" que todo cristão deveria atingir: uma vez identificado com Cristo, buscar ter com Deus o mesmo tipo de relacionamento que Ele teve com o Seu Filho primogênito. Será esse relacionamento que lhe dará a plena adoção que o conduzirá ao arrebatamento.