Jesus Foi Feito Um Pouco Menor a Quais Anjos?

31/08/2017

Jesus Foi Feito Um Pouco Menor a Quais Anjos?

31 de agosto de 2017

Diógenes Dornelles

Hebreus 2:6-9

Mas em certo lugar testificou alguém, dizendo: Que é o homem, para que dele te lembres? Ou o filho do homem, para que o visites? Tu o fizeste um pouco menor do que os anjos, de glória e de honra o coroaste, e o constituíste sobre as obras de tuas mãos; todas as coisas lhe sujeitaste debaixo dos pés. Ora, visto que lhe sujeitou todas as coisas, nada deixou que lhe não esteja sujeito. Mas agora ainda não vemos que todas as coisas lhe estejam sujeitas. Vemos, porém, coroado de glória e de honra aquele Jesus que fora feito um pouco menor do que os anjos, por causa da paixão da morte, para que, pela graça de Deus, provasse a morte por todos.

Nós sabemos que Jesus é o Filho Unigênito de Deus gerado pelo Seu Pai desde antes da fundação do mundo e Ele também foi o Cordeiro de Deus que foi imolado pela raça humana, e, para isso, Ele precisou vir a este mundo o sofrer o suplício do Calvário. Antes disso Ele existia na forma de Logos em um corpo teofânico, mas ao descer à terra Ele tomou a forma de homem, e achado na forma de homem, humilhou-Se a Si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz. É por essa razão que essa Escritura de Hebreus diz que Jesus na forma de um homem foi feito um pouco menor que os próprios anjos. Porém existem alguns ministros da Mensagem interpretando que esses anjos mencionados nesta Escritura não seriam exatamente anjos celestiais, mas terrenos, isso porque o irmão Branham às vezes interpretava a palavra "anjo" como se referindo a líderes ou mensageiros.

Apocalipse, Livro de Símbolos (17/06/1956) §§ 56-57

A própria palavra "Anjo" significa "um mensageiro". Se um menino estivesse na porta e batesse e dissesse aos porteiros: "Eu tenho um telegrama aqui para a Sra. Fulana de tla e Sr. Fulano de tal", ele seria um mensageiro, um anjo terrenal. Seu pastor, quando ele fica aqui na plataforma, ministrando a Palavra de Deus, ele é o anjo de Deus para a igreja, mensageiro para a igreja.

Então com base nessa colocação, alguns agora estão dizendo que essa Escritura de Hebreus estaria afirmando que Jesus teria sido feito menor que os profetas que existiram no Antigo Testamento. Eles argumentam que Jesus seria inferior a esses profetas no sentido de que Ele havia tido um alcance menor durante a Sua vida com poucas pessoas crendo em Seu ministério, comparado a Moisés, por exemplo, que guiou dois milhões de pessoas, ou mesmo a Elias, que teve sete mil que não dobraram os seus joelhos a Baal, enquanto que após a partida de Jesus, ficaram somente 120 no cenáculo para receber o batismo com o Espírito Santo. Então Sua popularidade seria menor comparada a de outros.

Porém será que foi exatamente assim que o irmão Branham interpretava aquela Escritura de Hebreus 2:7? Vamos verificar como que o irmão Branham explicava essa passagem nos seus sermões.

Jesus Teve Que Provar a Morte

O Grande e Poderoso Conquistador (21/04/1957) § 30 [Sem tradução]

E Ele Se humilhou, feito um pouco menor que os Anjos, sofreu a morte e deu um exemplo. E quando Ele esteve aqui na Terra, Ele andou entre os homens.

Aqui o irmão Branham está explicando que Jesus Se fez menor que os anjos para sofrer a morte, porque um anjo não pode morrer. Então se esses anjos fossem mensageiros ou profetas terrenais, seria necessário crer que nenhum desses homens teriam morrido a fim de que pudessem superá-Lo.

O irmão Branham pregou uma série sobre Hebreus e comentou sobre o capítulo 2 dessa Escritura, a qual queremos examinar.

Hebreus Capítulo Dois - Nº. 2 (25/08/1957) §§ 123-124

Vemos Jesus, que foi feito um pouco menor que os anjos para o sofrimento da morte, coroado de glória e honra; que Ele, pela graça de Deus, devesse provar a morte por cada homem.

Por que Ele foi feito menor que os Anjos? Para que Ele pudesse provar a morte. Ele teve que morrer. Ele teve que vir, morrer.

Dedicação de Edifício ao Senhor (08/07/1959) § 9 [Sem tradução]

Aquele que sendo homem e Deus teria que descer, feito menor que os Anjos para que Ele pudesse morrer pelos pecados de todos nós.

Unidade (11/02/1962) § 154

E Deus, no Espírito, não poderia morrer. Então "Deus teve que Se tornar um pouco menor do que os Anjos", Hebreus capítulo primeiro, o primeiro versículo. Tornou-Se menor do que os Anjos, a fim de assumir a morte, pagar a pena, trazer a unidade entre o homem e Deus novamente, para que o Espírito Santo pudesse voltar.

E para morrer, Jesus teria que vir como um homem. Então veja que o irmão Branham ensinava que Jesus foi feito inferior aos anjos para que Ele pudesse viver na terra como um homem, pois os anjos não são humanos. Antes de Jesus vir à terra como homem, Ele estava na glória como o Logos que saiu de Deus em um corpo teofânico em meio aos anjos, porém Ele Se distanciou daqueles anjos e mudou aquela forma para uma inferior, a fim de assumir um corpo de carne como o nosso.

Uma Libertação Total (12/07/1959) § 87

Hebreus 1:4 disse: "Ele foi feito menor do que os anjos". Ele era homem, completamente homem, (Essa é a explicação do irmão Branham para Jesus ter sido inferior aos anjos. Então para o irmão Branham esses anjos citados em Hebreus não são homens) para que Deus tomasse um homem completo para trazer total libertação; e Ele O encheu do Seu Espírito; o Espírito Santo estava Nele sem medida.

O Poderoso Conquistador (01/04/1956) § 43

A Bíblia disse que Ele foi feito um pouco menor que os Anjos para que pela morte Ele pudesse tirar e abolir o pecado e tirar a doença do mundo. Agora, quando Ele desceu do mais alto, o Logos de Deus, Ele desceu através dos Anjos, desceu e foi feito um homem, e Ele disse: "Eu não sou nem um homem. Eu sou um verme e não homem", pois Ele foi desprezado e rejeitado.

O Grande e Poderoso Conquistador (21/04/1957) § 83 [Sem tradução]

Foste feito menor que os Anjos, para vir a ser um homem, (Então se esses anjos também fossem homens, como poderia Jesus ser feito menor que eles?) para sair daquela grande Teofania do além, e foste feito carne, e tiveste Sangue e derramaste aquele Sangue, para que pudesses criar um caminho de escape para todos nós.

Então Jesus foi feito inferior aos anjos porque eles não possuem carne e sangue como nós temos. Sendo assim, fica muito claro que no entendimento do irmão Branham, esses anjos não eram profetas ou autoridades terrenas, mas seres celestiais.

Voltando à sua série sobre Hebreus, verificamos que o irmão Branham chegou a fazer uma distinção entre anjos celestiais e anjos terrenos.

Hebreus Capítulo Dois - Nº. 2 (25/08/1957) §§ 118-120

Veja o que ele disse, Paulo, ainda engrandecendo a Cristo, de que falamos.

Mas em certo lugar testificou, dizendo: Que é o homem, para que dele Te lembres? Ou o filho do homem, para que o visites? Tu O fizeste um pouco menor do que os anjos, de glória e de honra O coroaste, e O constituíste sobre as obras de Tuas mãos.

Agora, se você deseja ler isso, isso é Salmos 8:4-6, Davi falando. (Porém no Salmo 8, ao invés de "um pouco menor que os anjos", está escrito "um pouco menor que Deus") Agora, do que ele chamou Davi aqui? Isso resolve, bem aí, se estava certo esta manhã, sobre o profeta. Ele disse: "Pois um dos anjos disse em certo lugar". Davi, o mensageiro de Deus, era um anjo de Deus, pois ele era o mensageiro de Deus. O anjo disse, Davi disse, nos Salmos: "Tu O fizeste um pouco menor do que os anjos dos céus". Um anjo (Ou seja, um anjo terreno) disse que Deus O fez menor que um anjo (não menor que outro anjo terreno, mas menor que um mensageiro celestial), para que ele O coroasse; e Ele pode sofrer e provar a morte, para ser exaltado novamente. Para que Ele possa fazê-lo... herdar todas as coisas do mundo.

Veja que aqui o irmão Branham fez uma distinção tão clara entre anjos celestiais e terrenais de maneira que ninguém se confundisse. Davi era um anjo ou mensageiro terreno, e esse anjo terreno disse que o Filho de Deus seria feito menor que os anjos celestiais, a fim de que Ele pudesse ser como um homem, ou seja, um anjo terreno, mas não menor que um anjo terreno. Porém a interpretação que alguns da Mensagem estão dando é de que um anjo terreno disse que quando o Messias viesse, seria feito ainda menor do que os mensageiros terrenos.

Jesus foi feito menor do que os anjos do Céu para Se igualar aos anjos terrenos decaídos e poder salvá-los, porque os anjos celestiais não necessitam de salvação.

A Infalibilidade da Palavra Falada de Deus (04/04/1956) § 74 [Sem tradução]

Creio que Ele é o Deus Emanuel que desceu da glória e Se formou em um corpo de carne chamado Filho de Deus, andou na terra entre os homens. Ele viveu como um homem. Mas Ele Se tornou um pouco menor do que os Anjos, a fim de tomar a morte sobre Ele, para que Ele morresse a morte de um pecador por todos os homens, para que todos os homens que cressem viessem a Ele e fossem salvos.

Então veja que quando as Escrituras dizem que Jesus fora feito menor do que os anjos, o irmão Branham dizia que isso era uma referência ao Seu corpo que seria feito da mesma natureza humana, inferior à natureza angelical, que não pereceu com a raça humana.

Hebreus Capítulo Cinco e Seis - Nº. 1 (08/09/1957) § 29

Na Bíblia, nos versículos anteriores, lemos que: "Ele Se tornou menor do que os Anjos. Tomado na forma, não dos Anjos, mas assumiu uma forma de carne". (Então Hebreus não está tratando de anjos carnais o terrenais) Os Anjos não caíram, eles não precisam de redenção. A carne caiu, os seres humanos, e eles precisavam de redenção.

Então veja que o irmão Branham ensinava que Jesus foi feito não inferior aos anjos terrenos caídos, mas semelhante eles, a fim de redimi-los.

Hebreus Capítulo Dois - Nº. 2 (25/08/1957) §§ 123-124

No livro de Atos, capítulo 7, quando ele estava falando, ele disse: "Todos eles previram isto. Eles edificaram uma tenda para Ele, Moisés fez uma tenda e colocou a arca ali, pois Deus estava no propiciatório. Ele não morava ali". Tudo bem. Então, "Um corpo me fizeste", o corpo do Senhor Jesus Cristo, feito menor que os anjos para provar a morte.

Como alguém lendo essas palavras do irmão Branham poderia deduzir que ele ensinasse que a inferioridade do Messias frente aos anjos nessa Escritura se devesse à impopularidade de Jesus em comparação com os demais profetas? Isso definitivamente não é um ensino de William Branham.

João Batista Foi o Maior dos Anjos Terrenos

O irmão Branham entendia que de todos os filhos do homem, ou seja, profetas ou anjos terrenos, o maior de todos eles havia sido João Batista, e ele não teve o mesmo número de seguidores como Moisés e Elias do passado.

Jesus Cristo é o Mesmo Ontem, Hoje e Eternamente (13/11/1955) § 38 [Sem tradução]

Agora, a primeira coisa... João Batista foi o primeiro dos... Ele estava entre a lei e a graça. Ele realmente não fez milagres; ele apenas entrou e apresentou, sendo o maior dos profetas, apresentou o Senhor Jesus Cristo ao mundo. Todo os demais profetas falaram Dele vindo, mas João O apresentou. "Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo". Seu ministério foi curto, seis meses, nenhuma doutrina, apenas falando da vinda do Senhor Jesus, e dizendo-lhes: "Prepare-se para encontrá-Lo".

A Ressurreição (05/12/1953) § 64 [Sem tradução]

Todos os outros profetas falaram Dele, mas João O apresentou ao mundo. "Este é... Eis o Cordeiro de Deus". Ele O apresentou ao mundo. Ele foi o maior entre os profetas - João foi.

João batista não compôs salmos, não escreveu livros, não tinha um número expressivo de seguidores, no entanto, João foi o maior de todos os profetas, mesmo sem estar à frente guiando milhões como Moisés, ou dos sete mil dos dias de Elias.

Jesus Foi Maior de Todos os Profetas

Veja, portanto, que essa interpretação de que Jesus fora feito inferior aos profetas que O antecederam não faz absolutamente nenhum sentido, pois além de ser contrário às Escrituras, também é totalmente diferente de como o irmão Branham interpretava. E isso criaria uma contradição até mesmo com a sua própria doutrina, pois como vimos no estudo anterior, "O Profeta de Deuteronômio 18", Moisés profetizou em Deuteronômio 18 um profeta semelhante a ele, mas que na verdade seria muito superior, porque ele estava se referindo à vinda, não de um simples profeta, um filho do homem, mas do Filho do Homem, O Profeta. Jesus não foi inferior aos outros profetas, porque cada um deles eram apenas um filho do homem, enquanto que Jesus era O Filho do Homem. Então como que Jesus sendo O Filho do Homem poderia ser feito menor aos demais filhos dos homens? Vê o quão contraditório é essa interpretação?

Esse não foi o ensino de William Branham, porque ele ensinava que Jesus foi superior a todos os profetas que já existiram, sendo Ele o Rei de todos os Profetas.

A Notícia de Última Hora Mais Importante da História (24/04/1961) § 48

E os judeus sempre, o povo escolhido de Deus sempre lembrou que Deus falou a eles por meio dos profetas. Hebreus 1 diz: "Havendo Deus antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas, a nós falou-nos nestes últimos dias pelo Seu Filho, Jesus Cristo". Agora, nestes últimos dias... Todos os leitores das Escrituras sabem disto, Hebreus 1, Hebreus1:1. Agora, vamos começar pelo princípio. "Deus, muitas vezes e de diversas maneiras falou aos pais pelos profetas; nestes últimos dias através de Seu Filho, Cristo Jesus." Agora, o que Ele foi? Ele foi o Rei dos profetas. Ele foi o maior de todos os profetas. Porque Ele foi O Profeta: "O Senhor Teu Deus levantará um profeta como eu". Quantos sabem que Moisés disse isso em... Sim.

Então se Jesus foi o maior de todos os profetas, Ele não pode ter sido feito inferior ou menor a eles por não ter tido em vida um grande número de seguidores como os demais.

Hoje Jesus Está Acima de Todos os Anjos

Então após ter passado pela morte e sofrimento, Jesus ressuscitou, retornando à Sua forma celestial, mas numa posição glorificada, assentado hoje no trono de Seu Pai, fazendo intercessão pelos santos, estando agora acima de todos os anjos do Céu.

O Maníaco de Gadara (20/07/1954) § 36

O Espírito Santo está aqui agora na Terra, mas Jesus Cristo está assentado à destra da Majestade nas alturas, (Isso porque Jesus, não é o Espírito Santo. Ele não é Deus) acima de todos os Anjos e Arcanjos e tudo mais, (Não somente acima dos anjos terrenos, mas também dos celestiais) e recebeu um Nome cuja toda a família dos céus e da Terra é chamada segundo Ele. Isso mesmo. Esse é o nosso Senhor Jesus Cristo. Então eu certamente creio Nele.