O Culto Racional e o Alimento Não Falsificado

22/09/2017

O Culto Racional e o Alimento Não Falsificado

22 de setembro de 2017

Rio de Janeiro-RJ

Diógenes Dornelles

Romanos 12:1-2

Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.

Quando Paulo diz que devemos prestar a Deus um serviço ou culto racional, isso parece dar a entender que ele esteja se referindo a um culto onde devemos usar a razão, isso porque a palavra "racional", que ele utilizou, vem do grego "logikos" (λογικ ος) cuja palavra é derivada de "logos", que quer dizer "palavra", "discurso", significando, portanto, "algo que pertence ao discurso ou a fala" ou que "pertence à razão ou à lógica", "que concorda com a razão", "que é razoável". Mas também, paradoxalmente a isso, essa mesma palavra possui o sentido de "espiritual, que pertence à alma". Essa palavra "logikos" só volta a aparecer nas Escrituras em 1 Pedro 2:2 onde lemos:

Desejai afetuosamente, como meninos novamente nascidos, (ou recém-nascidos) o leite racional, não falsificado, para que por ele vades crescendo.

Aqui a palavra grega que foi utilizada é a mesma, e dentro do seu contexto nós podemos entender que Pedro está se referindo ao leite "espiritual", ou seja, ao Evangelho de Cristo em sua pureza e sem adulteração. É por isso que na versão inglesa da bíblia do Rei Tiago essa passagem foi traduzida por "leite da Palavra".

Então o que Paulo está nos dizendo é que o nosso serviço ou culto a Deus deve ser espiritual, baseado na Palavra, e ele nos diz aqui que esse nosso culto a Deus mediante a Sua Palavra deve ser provada e demonstrada através de nossos próprios corpos, ou seja, com ações e atitudes e não somente com nossos lábios ou com uma simples confissão de fé. Na lei levítica se prestava um culto de adoração a Deus através de sacrifícios de animais, mas agora nesse novo pacto o sacrifício deve ser o de nós mesmos. Quando nossas vidas ou corpos são lapidados pela Palavra eles são sacrificados pela mesma, e uma vez separados para Deus eles estão prontos para o serviço do Senhor. Portanto Paulo está falando aqui de uma vida rendida e separada a Deus.

O Que é Razoável Para Um Cristão?

Devido à sua tradução da bíblia, o irmão Branham interpretava o "culto racional" como sendo algo que fazemos para Deus e que seja razoável ou condizente com a fé cristã e às atitudes que um cristão deve tomar como uma testemunha viva da Palavra de Deus. Ele não precisa ser um profundo conhecedor dos mistérios de Deus; basta apenas saber fazer aquilo que é santo e correto e que não contraria a sua Palavra.

Poder de Transformação (11/09/1965) §§ 257-258

Alguém diz: "Por que você não ensina a eles grandes coisas, como isso?". Comece com o seu ABC, e então iremos para a álgebra. Vê? Apenas comece a aprender "qual é o seu culto racional". "Peço-lhes, pois, aos irmãos, pelas misericórdias de Deus, que apresentem os vossos corpos como um sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional". Simplesmente faça o "seu culto racional", e Deus cuidará do restante disso; veja, apenas raciocine as coisas que você pode descobrir e fazer. Não é... Não é irracional para uma mulher se despir e sair por aqui e agir assim, quando a Bíblia condena isso? Não é irracional que um homem se arraste para dentro de um dogma como o que temos hoje, e todas essas coisas aqui, e todas essas coisas de seminário, e coisas assim, quando é absolutamente contrário à Palavra de Deus? Vê?

Então vemos que o irmão Branham está nos dizendo que um culto racional a Deus é saber sacrificar o nosso "eu" e a nossa vontade para buscar fazer a vontade de Deus, procurando conhecer a Sua Palavra para descobrir como melhor pensar, se portar e agir.

Aprenda a Sair do Caminho

Em outra ocasião nós tratamos sobre o tema "Entregue-se e Deixe Deus Agir", baseado em um ensino do irmão Branham de que nós somente podemos ser úteis para o serviço de Deus se sairmos do Seu caminho com nossas próprias ideias e pensamentos, e deixarmos Jesus ter o Seu próprio caminho em nossas vidas,ou seja,, andarmos no caminho de Deus ao invés de andar no nosso próprio. Portanto, apresentar os nossos corpos como um sacrifício vivo para Deus, refere-se a morrer para nós mesmos e deixar que Cristo viva em nós, como Paulo mesmo dizia: "Já não sou mais eu quem vive, mas Cristo vive em mim".

O Caminho Provido Por Deus (01/12/1953) § 11 [Sem tradução]

E você está obrigado a recuar constantemente, (Ou seja, temos que ceder muitas vezes na nossa maneira própria de pensar e agir) então é preciso uma constante oração a Deus. (Isso porque nossa mudança de mente só pode vir com o Seu auxílio) Paulo disse: "Morro diariamente". E se Paulo tinha que morrer diariamente, quanto mais eu - eu terei que ficar aí morto o tempo todo, se - se Paulo tinha que morrer diariamente para ficar de bem com Deus. E assim, todos nós teremos que fazer isso, simplesmente morrer para nós mesmos. E isso é entrar no caminho de Deus. Agora, há somente dois caminhos para qualquer coisa: que é o caminho certo e o caminho errado. E estes caminhos são os teus caminhos e os caminhos de Deus. E você não pode estar no teu caminho e no caminho de Deus ao mesmo tempo. Você tem que esquecer o teu próprio caminho para entrar no caminho de Deus. E você tem que sair do teu próprio caminho para entrar no caminho de Deus. Enquanto você estiver no teu próprio caminho, você está fora do caminho Dele. Então abandone os teus caminhos, abandone os teus pensamentos, abandone tudo e confie somente em uma coisa, no Assim Diz o Senhor. Isso é tudo. Então você sabe que você está certo.

Somos Todos Impotentes Como Ovelhas

Quando nos rendemos a Deus estamos com isso admitindo a nossa impotência e recebendo a Ele como o nosso único Guia. Uma ovelha sem seu guia está perdida, e assim somos todos nós comparados como ovelhas do Seu Redil, e se estivermos fora da vontade de Deus nos encontraremos impotentes e viveremos uma vida de fracassos e derrotas.

Moisés (10/01/1950) § 19 [Sem tradução]

Você não pode guiar a si mesmo. Há dois caminhos: que é o teu caminho e o caminho de Deus. E quando você estiver no teu caminho, você está fora do caminho de Deus. E você deve esquecer o teu próprio caminho para encontrar o caminho de Deus. E o homem não pode se guiar. Ele era chamado de ovelha. Nós somos comparados a ovelhas. Se alguém por aqui sabe alguma coisa sobre criar ovelhas, quando uma ovelha se perde, ela está perfeitamente indefesa. Ela apenas se porá de pé e irá balir até morrer. Isso é tudo. Ela é impotente.

Muitas vezes as pessoas não querem sacrificar os seus pensamentos para aceitar os de Deus porque tem medo do desconhecido e do novo, e assim, preferem ficar na mesmice dos seus pensamentos.

O Conhecido é Mais Confortável Que o Desconhecido

Lembro-me certa vez de uma empresa onde fui trabalhar, que prestava serviços de instalações elétricas rurais, e que se instalou no mesmo terreno onde outrora havia uma outra grande empresa de malharia que acabou decretando falência. Naquele mesmo terreno, haviam açudes onde no passado eram criadas carpas capim, mas desde que aquela empresa encerrou as suas atividades, nunca mais ninguém soube delas. Porém um dos funcionários que agora estava trabalhando conosco, havia trabalhado naquela antiga empresa e nos contou onde aquelas carpas eram criadas. Havia um pequeno açude logo atrás do edifício da empresa onde ali as carpas eram cuidadas, e um pouco mais para baixo, havia um outro açude ainda maior. Então ele nos contou que de tempos em tempos, os funcionários daquela antiga empresa esvaziavam o açude superior para que sua água descarregasse totalmente por meio de um canal subterrâneo que levava a água até aquele açude maior. Todas as carpas eram então tragadas pelo canal até irem para o outro açude. Ele nos mostrou onde nós poderíamos abrir o canal para esvaziar o açude e quando encontramos a abertura do canal, o abrimos, e exatamente como nos foi dito, a água do açude superior foi aos poucos se esvaziando, indo em direção ao açude inferior que era muito maior. Dentro de mais alguns minutos, quando o açude superior já estava quase vazio, começamos a ver vários movimentos na água. Eram as mesmas carpas capim que ainda haviam ficado lá por anos. Todos nós entramos no açude e enchemos vários baldes delas e assim tivemos o nosso tempo de "pescaria". Porém muitas carpas haviam passado pelo canal indo até o outro açude maior, e nossos planos era de reativar aquele açude para alimentá-las e deixá-las crescer por ali.

Esse açude superior que esvaziamos possuía uma vertente que o fazia encher novamente quando o canal era bloqueado, porém nós o deixamos aberto por algum tempo. Alguns dias se passaram e quando estive sozinho, fui ao açude pequeno e o vi completamente vazio, salvo algumas pequenas poças d'água, porém observei que havia algo dentro delas. Eram alevinos, pequenos filhotes de carpas, que lutavam nas poças para não serem tragadas pelo canal ainda aberto. Porém se elas permanecessem ali por mais algum tempo todas morreriam, pois as poças estavam secando com o sol. Mas se aqueles filhotes simplesmente se deixassem levar, eles atravessariam o canal até chegar são e salvos no outro grande açude, com amplo espaço para nadar e se alimentar. Porém as pobres carpinhas, não sabendo nada disso, relutavam em salvar suas vidas para se manterem naquelas poças, até que elas secaram e todas morreram.

Eu a pouco havia sido batizado no nome do Senhor Jesus, e sabendo que o irmão Branham tirava muitas lições só em contemplar a natureza, comecei a me exercitar nisso e fazer as minhas pequenas reflexões. Imediatamente eu pensei: "Como muitos de nós agimos exatamente como aqueles filhotes". Ficamos nadando em nossas poças rasas e bebendo de nossas cisternas rotas, as quais algum dia tudo secará, quando Deus tem algo muito melhor preparado para nós. Queremos fazer tudo ao nosso modo, e ao agir segundo a nossa própria maneira mesquinha de pensar, acabamos fugindo das bênçãos de Deus, ao invés de nos deixarmos levar pelo fluxo das águas do Espírito da Vida que nos colocarão numa posição muito melhor. Parece que temos medo de que aquilo que Deus tem preparado para nós não seja melhor do que planejamos para nós mesmos, e assim, nos conformamos com aquilo que o mundo nos oferece e nos satisfazemos com isso, porque afinal de contas, o conhecido é mais confortável que o desconhecido. E assim temos medo. Temos medo de crer nas promessas de Deus e deixar que Ele seja o guia de nossas vidas. Temos medo de que o resultado por fazer a vontade de Deus não seja melhor do que fazer a nossa própria vontade. Temos medo de sermos lavados e levados pela água da Palavra. E assim, muitos de nós acabam fugindo como ovelhas sem pastor.

Renovados no Espírito

Mas como a pouco nos disse o irmão Branham, para abandonarmos os nossos próprios caminhos e pensamentos, precisamos confiar em Deus e no "Assim Diz o Senhor" que é a Sua Palavra, pois é Ela que nos dará uma renovação de entendimento, que segundo o apóstolo Paulo, é o que nos auxilia a não mais nos conformarmos com este mundo e nadar nas pequenas poças d'água rasas que ele nos oferece.

A Intermitente Luz Vermelha do Sinal da Sua Vinda (23/06/196) § 3

E agora, Pai, nós não queremos estar conformados nesta hora com as coisas do mundo, mas sermos transformados pela renovação do nosso espírito, através do Espírito Santo, que Ele possa vir e tomar nossas vidas em Seu próprio cuidado, e que - que nos dirija e nos guie para os dias que nos restarem sobre a terra, e magnifique Seu grande Nome.

Nossa renovação de mente vem através de Sua Palavra, mas aqui o irmão Branham nos diz que nossos espíritos também são renovados a fim de nos levar a uma inteira transformação que Deus quer fazer em nós, a qual nos é dada pelo Seu Espírito.

Tito 3:5

Não pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas segundo a Sua misericórdia, nos salvou pela lavagem da regeneração e da renovação do Espírito Santo.

Então veja que a verdadeira renovação da mente e do espírito somente pode vir pela Vida do próprio Espírito de Cristo habitando no crente. Essa renovação não vem apenas por meio de algum conhecimento doutrinal adquirido. Os ministros, os pastores, os mestres que ensinam a Palavra podem estar todos certos; a sua doutrina ou ensino pode estar perfeitamente correto, mas a renovação da mente não vem apenas através da instrução, mas do derramar do Espírito Santo, ungindo aquele ensino no crente.

Mas no Princípio Não Foi Assim (02/10/1958) § 32

Ele disse: "Os mestres estão errados?". Eu disse: "Irmão Reidhead, eu não gostaria de dizer que os mestres estivessem errados, porque eu não estou em posição de dizer isso. Mas deixe-me dizer isso: Cristo não vem por bacharel em arte ou doutor em Divindade, mas Ele vem através da renovação do seu espírito pelo Espírito Santo que vem do céu".

Uma vez com nosso espírito renovado, o Senhor consegue renovar a própria juventude da Igreja, pois um crente com espírito renovado não teme por más notícias, e todo fracasso que Satanás tentou lhe impor é esquecido pela nova experiência que o Senhor lhe concede através da comunhão de Seu Espírito, exatamente como uma águia que renova as suas forças. Todos os filhos de Deus são comparados com águias, e assim como no natural a águia recebe uma regeneração de aparência e de força, a mesma mudança também é operada no crente que confia no Senhor e na Sua Palavra.

Como a Águia Agita o Seu Ninho (03/04/1960) § 7

Agora, eu comecei a estudar a águia quando li isso. E a águia? Eu descobri que a águia é um pássaro muito estranho. Ele pode voar mais alto do que qualquer outro pássaro que existe. Ele é um pássaro de porte especial. Ele constrói o seu ninho - ninho nas rochas, bem alto. Ele é um pássaro muito estranho... E outra coisa no que a águia é estranha, ela renova a juventude. A águia, depois de tanto tempo, simplesmente vira-se e volta a uma nova águia de novo - se recupera de volta. Ela renova a juventude. Esse é outro tipo da igreja, do povo de Deus. Nos abatemos e de certa forma envelhecemos, depois de uma só vez o Espírito Santo vem e nos renova novamente: Deus renovando a experiência e a juventude da Sua igreja, dando-lhes uma nova experiência. Esse é o tipo da águia.

É dessa experiência que Deus estava Se referindo em Sua Palavra quando disse que Ele restaura as forças daquele que está cansado. É pelo Seu Espírito que o crente recebe uma nova motivação, uma força renovada e multiplicada depois de tantas provas e tentações.

Isaías 40:28-31

Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o Senhor, o Criador dos fins da terra, nem Se cansa nem Se fatiga? É inescrutável o Seu entendimento. Dá força ao cansado, e multiplica as forças ao que não tem nenhum vigor. Os jovens se cansarão e se fatigarão, e os moços certamente cairão; mas os que esperam no Senhor renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão.

Renovados no Físico

O Espírito de Deus sempre estará fazendo essa operação de regeneração em todo filho que buscar alinhar a sua vida com a Palavra de Deus e com a sã doutrina, porque é esse mesmo Espírito que revitalizará a Noiva do tempo do fim para o arrebatamento, assim como revitalizou ainda em vida os corpos de Abraão e Sara.

A Operação do Espírito Santo (16/08/1956) §§ 65-66 [Sem tradução]

Agora observe. Posso ver Abraão se levantar numa manhã, e dizer: "Sara, querida, por que você está... você está... Você parece diferente". Posso ouvi-la dizer: "Ora, Abraão, meu senhor, sabe de uma coisa? A sua - sua - a sua barba está ficando escura". Deus estava respondendo em linha. O que foi isso? Eles estavam se amamentando de Sua Palavra, o Peito de El Shadai, o Todo-Poderoso. Operando... O que Ele estava fazendo? Operando um milagre, mostrando em Abraão o que Ele fará a toda a semente de Abraão através da morte e ressurreição prometidas por Cristo. (Fala da Ressurreição e do Arrebatamento da Igreja) Vê? Observe: "Bem, querida..." De noite, ele olhou nos olhos dela e ele disse: "Sara, querida, sabe, seus olhos estão começando a brilhar novamente". Ora, disse: "Abraão, já não há nem metade da curvatura das tuas costas como havia esta manhã". Qual é o problema? Deus, as vitaminas do leite, o leite das Escrituras da Palavra (O leite racional) tinha ido operar no corpo de Abraão e de Sara. As vitaminas de Deus, Sua Palavra irá operar no corpo de cada crente agora mesmo, se você aceitar. (Veja que o leite racional tem efeitos duradouros e permanentes na vida do crente, pois é a Sua Palavra, são as vitaminas do leite da Palavra que nos renovará em um novo corpo.) Isso mesmo. Ele ainda é o El Shaddai, o Todo-Poderoso, procurando a semente de Abraão para que Ele pudesse mostrar a Sua graça. Observe-o agora, enquanto Ele Se move.

O que Deus fez com Abraão e Sara é um tipo do que Deus fará com a igreja no dia da Ressurreição, dando aos Seus santos um novo corpo transformado e glorificado. Porém não pode haver uma transformação do corpo se não houver primeiro uma transformação que venha pela renovação da mente. E o poder de Deus que dará ao crente um corpo transformado é exatamente o mesmo que precisa estar nele agora mesmo para lhe dar uma renovação mental, poder este que se encontra nas vitaminas de Sua Palavra.

Um Culto de Adoração em Vão

Mas qualquer doutrina falsificada, ou seja, um ensino que não esteja biblicamente correto com esta Palavra, não poderá ter qualquer efeito regenerador em quem quer que seja, pois o Espírito Santo não pode respaldar aquilo que não for da inspiração Dele. É por isso que Pedro disse que devemos buscar pelo alimento espiritual não falsificado, pois uma falsa doutrina, além de não promover nenhum crescimento torna o culto racional ou a adoração a Deus em vão.

Mateus 15:9

Mas, em vão Me adoram, (em vão prestam a Mim um culto racional) ensinando doutrinas que são preceitos dos homens.

Se Paulo disse que precisamos apresentar para Deus um culto racional ou espiritual, isso significa que o nosso culto ou adoração a Deus precisa ser sincero levando em consideração tanto nossas vidas como também a doutrina que confessamos. O irmão Branham disse que é possível alguém estar tentando servir a Deus de inúmeras maneiras e com as melhores intenções, adorando a Ele com toda a sua sinceridade, e ainda assim estar fazendo tudo isso de maneira errada, confessando uma fé híbrida.

Companheirismo Pela Redenção (03/04/1955) § 146 [Sem tradução]

Deus tinha o cordeiro morto, cobriu Adão e Eva com a pele e derramou o sangue lá no passado para ter novamente comunhão com Deus. Então Adão somente podia voltar a Deus através do sangue derramado. Caim saiu com a primeira ideia de Adão. (Ou seja, de criar uma religião própria para ele, para poder servir a Deus da sua própria maneira) E fez para si mesmo uma religião de folhas de figueira, Adão fez, sobre ele e Eva. Mas eles descobriram que não era o caminho apropriado de Deus, portanto, eles não poderiam estar em Sua Presença. E hoje ainda usamos a auto-suficiência. Usamos todas as ideias diferentes e filosofias vãs dos homens, e isso é absolutamente nada. Jesus disse: "Os homens Me adoram, ensinando doutrinas por suas tradições de homens: adoração em vão". Você poderia adorar o Senhor, e ainda assim não ser adoração da maneira correta.

Isso porque alguém pode estar adorando sinceramente a Deus, mas com um alimento falsificado. Então um culto racional com um falso alimento racional será um culto em vão. O irmão Branham disse que seria muito melhor que alguém assim não adorasse a Deus porque ele estaria desperdiçando o seu tempo tentando mostrar a Ele algum zelo, porém sem entendimento.

O Lugar de Adoração Provido Por Deus (25/04/1965) §§ 39-41

Agora lembre-se, Ele tem um lugar provido, somente um lugar onde Ele Se encontrará com os filhos crentes. Qualquer outro lugar não funcionará. Lembre-se, Jesus disse, quando Ele esteve aqui na terra, falando a um agrupamento de pessoas que eram muito religiosas, um povo excelente e muito instruído, muito zeloso de Deus, porém Jesus lhes disse: "Em vão Me adorais," ensinando por Doutrina suas tradições de homens. Lembre-se de quão devotas aquelas pessoas eram, e quão zelosas por Deus. Eu creio que se estivéssemos levando em conta as pessoas que fossem mais zelosas, de hoje ou daquele dia, elas seriam mais zelosas do que nós. Muito mais! Quando se trata de guardar as tradições e leis e coisas tais, elas viviam por essas coisas. E eram muito zelosas de Deus, e criam em Deus. Porém Jesus, Deus feito carne entre nós, disse: "Em vão Me adorais." Agora, Ele não disse que não O adoravam. Elas O estavam adorando, porém em vão. De modo que qualquer coisa em vão é sem utilidade, não tem valor algum. Você nunca deveria fazê-la, porque só desperdiça o seu tempo. Você desperdiça o seu fôlego, você desperdiça seus esforços, até que cheguemos a saber o que estamos fazendo.

Então é possível que uma adoração seja verdadeira e sem fingimento e ainda assim ser em vão por causa da tradição de homens que é seguida aos mínimos cuidados, ao invés da Palavra de Deus, e esse problema começou desde o Éden.

Coríntios, Livro de Correção (14/04/1957) § 45

Apenas pense, a Bíblia diz: "Em vão Me adoram". "Em vão Me adoram", uma adoração verdadeira absolutamente em vão. Onde isto começou? Absolutamente no jardim do Éden, Caim. Ele adorou a Deus tanto quanto Abel adorou, mas em vão ele O adorou. Sim, senhor.

Culto Racional de Deus Versus Culto Racional do Diabo

Então veja que desde o Éden temos o homem tentando apresentar a Deus um culto racional, mas de maneira errada. A adoração podia ser sincera, mas ainda assim estaria fora da Palavra. Isso porque Satanás tenta fazer o homem substituir o culto racional de Deus pelo seu próprio culto racional. É isso mesmo. O diabo possui um culto racional, literalmente falando, onde ele convence o homem a usar o raciocínio, a razão, ao invés da fé. Como vimos, foi assim desde o Éden. Essa sempre foi a sua tática.

Desde Então (13/07/1962) § 53 [Sem tradução]

Qual é a tática de Satanás? Raciocínio. "Isso é razoável". E quando você ouvir qualquer coisa que arrazoe contra a Palavra, afaste-se disso. É o diabo. Não me importa quão antiquado isso seja, o quão estranho pareça, quando Deus disse isso, isso está decidido eternamente. Afaste-se de qualquer coisa que arrazoe contra a Palavra.

Então veja que a tática de Satanás foi sempre de fazer com que o homem adore a Deus e creia em Sua Palavra com a razão, usando isso contra a fé revelada. Temos visto isso por toda parte. Essa sempre foi a sua tática e tem funcionado até hoje, fazendo o homem adorar e servir a Deus em vão, pois ao usar o raciocínio contra fé, ele nada mais estará fazendo a não ser servindo aos seus próprios propósitos e desejos, e não aos de Deus.

Tomando Toda a Armadura de Deus (01/07/1962) § 40

Satanás tentou entrar lá para espiar, para ver o que - como ele poderia se apoderar dessa raça humana, e ele tomou uma das táticas mais famosas que... Bem, isso mostrou que ele tinha que ser um poder sobrenatural para pensar nisso. E ele usou isso pela primeira vez e foi bem-sucedido, e ele tem feito isso desde então, e ainda é bem-sucedido em um determinado estado. Ele usou o raciocínio contra a fé. Satanás vem até Eva e começa a raciocinar contra a Palavra de Deus, a grande Armadura com a qual Deus fortificou o Seu povo. Ele começa a usar o raciocínio. Agora: "É razoável que Deus não destrua você. Certamente que você não vai morrer". Mas lembre-se, amigos, essa é a tática de Satanás para começar, e ele ainda usa a mesma, e ainda é bem-sucedido com isso: um raciocínio.

Os arrazoamentos visam cortar o mover de Deus sobre os Seus filhos, exatamente como Satanás conseguiu fazer com o casal no jardim.

O Poder de Decisão (07/10/1955) §§ 20-21

Observe, como pensamos primeiro que - tomou o assunto deste Livro do Êxodo, nós descobrimos os três principais poderes: o poder de Satanás (1); o poder da fé (2); e o poder de Deus (3). E nós descobrimos que Satanás sempre começa a exibir o seu poder primeiro. Observe as pequenas coisas quando elas transbordam e começam no início. Você sabe que os cogumelos crescem durante a noite e morrem no dia seguinte. Leva muito tempo para um velho carvalho surgir, mas ele está realmente enraizado e aterrado quando ele chega lá. Então, o diabo geralmente começa aquela pequena labareda, e então observe. Ele tenta cortar o mover de Deus. Toda vez ele fará isso. E ele ainda é o mesmo diabo, usa as mesmas técnicas que usou nos velhos tempos, e ele ainda as usa hoje. Nós simplesmente poderíamos ler o Antigo Testamento, e então aprenderíamos as táticas do diabo, como ele faz. Então descobrimos que seu poder... Ele tinha poder, e esse poder era a morte. Mas ele não tinha nenhum poder além disso.

Satanás e os Seus Ungidos

Desde o princípio o diabo tem tentado convencer a raça humana a arrazoar com a Palavra de Deus. Satanás não discorda da Palavra, mas apenas muda uma pequena fração Dela, para que Ela possa soar da maneira como ele deseja. E assim como o diabo possui uma unção pervertida, ele tem ungido os seus servos, e ele tem feito com que seus ministros atuem dessa mesma maneira. Eles mudam o sentido da Palavra de Deus para que isso possa favorecê-los em algum capricho seu, exatamente como o pai deles fez lá no Éden.

A Maior Batalha Jamais Pelejada (11/03/1962) §§ 209-210

Agora, o que Satanás fez? Satanás tinha os outros ungidos. Agora, Satanás unge os seus servos. Ah, com certeza. Uh-huh. Certo. Ele unge os seus servos. Com o que ele os unge? Com a descrença. Satanás e os seus demônios ungem a humanidade para não crer na Palavra de Deus. Agora, se você quer confirmar isso, abra em Gênesis 3:4. Vamos voltar atrás e ouvir isso, só por um minuto, e ver se essa não é a sua primeira tática. Foi a primeira coisa que ele fez. Ele nunca abandona as suas mesmas táticas. Ele faz isso o tempo todo. Agora, veja se isso - isso é o que é. Agora, ele não discordou da Palavra. Ele apenas a induziu de certo modo a interpretá-La mal só um pouco, sabe, apenas de certo modo fez Ela soar da maneira que ele queria que Ela soasse, sem tomar toda a Palavra.

E como dissemos, assim como o diabo fez no passado, ele tem ungido os seus servos para fazer com a Palavra a mesma coisa que ele fez. Satanás sempre teve uma mesma tática, que é a de fazer o homem arrazoar com a Palavra, de modo que possa prestar a Deus um culto racional, porém da sua maneira, e não da maneira de Deus.

Portanto a tática do diabo não é outra senão a de imitar a Deus em tudo, tentando fazer com que um povo religioso ungido por ele, possa agir de forma semelhante à Igreja de Jesus, porém sua adoração e culto a Deus será falso por causa de seu alimento racional falsificado. Ele sabe que Deus tem um povo zeloso, então ele procura ungir um povo que possa ser tão zeloso quanto o de Deus, porém com um zelo sem entendimento. Desta maneira, as táticas do diabo são semelhantes às táticas de Deus. Assim como Deus possui um povo justo, fiel e religioso, Satanás consegue criar um tipo de religião que faz o seu povo ter o mesmo comportamento.

A Repentina e Secreta Partida da Igreja (12/10/1958) § 9

Agora, é assim que a Igreja deveria estar vigiando pela vinda do Senhor: tudo em ordem, tudo pronto, tudo preparado e pronto para ir tão logo Ele venha; porque será em um momento em um piscar de olhos. Apenas tente medir o tempo que demora para o seu olho piscar. É exatamente assim tão rápido que o arrebatamento da Igreja acontecerá. Sabe, o inimigo sempre usa as táticas que o - o - que o Senhor usa. Sabe, quando ele viu que Deus teria uma Igreja justa e as coisas que Ele iria fazer, o inimigo usou a mesma estratégia. Ele tem uma igreja, e ele tem um - um povo muito religioso. E eles estão bem em pé como - como pessoas religiosas, porque ele sabe que a Igreja de Cristo é da mesma maneira.

Desarmados Contra o Inimigo

Então o que Satanás quer é deixar o povo de Deus desprotegido e indefeso, e isso acontece sempre quando eles colocam um arrazoamento para descrer em toda a Palavra. Essa é a sua tática. Quando alguém deixa de crer numa parte da Palavra ele está desarmado contra o inimigo.

A Maior Batalha Jamais Pelejada (11/03/1962) § 294

Aqui vemos as táticas do diabo. Como vemos? Agora, tenho muitas Escrituras aqui, de profetas e coisas, onde ele veio a eles e povos diferentes através da Bíblia, e fez a mesma coisa. É sempre a sua tática, que é tentar fazer com que as pessoas não creiam na Palavra de Deus. Ouça, vocês soldados da cruz. Quando você não crê em uma Palavra da Bíblia escrita de Deus, você está desarmado.

Nós nunca poderemos encarar o inimigo se não soubermos quais táticas ele usa para nos enganar e nos combater.

A Deidade de Jesus Cristo (25/12/1949) § 34

E enquanto nós descemos então, Senhor, na armadura de Deus, que possamos ir como soldados corajosos, para encarar o inimigo. Porém, como poderíamos encará-lo a menos que nós soubéssemos as táticas dele? E ajuda-nos esta manhã a entender, e mostra-nos o... primeiro plano dele lá, de maneira que nós saibamos onde encontrá-lo. Pois nós pedimos isto em Nome de Jesus. Amém.

A tática de Satanás é fazer o homem pensar que as coisas que ele faz ou escolhe sejam agradáveis aos olhos de Deus. É fazer pensar que os seus caminhos, pensamentos e decisões seriam os mesmos de Deus. Uma pessoa nessas condições torna-se impotente e desarmada frente às táticas do inimigo, pois como ela vai discernir o falso se ela nem sabe o que é o verdadeiro?

Sinceramente Errados

O irmão Branham nos disse que muitos filhos de Deus são genuínos cristãos, porém mesmo sendo eleitos e chamados por Deus, seu crescimento espiritual está comprometido e não conseguem ser aperfeiçoados ou mesmo gerar frutos que agradem a Deus, isso porque estão no lugar errado ouvindo a uma doutrina errada, ou seja, alimentando-se de um alimento racional falsificado. Se uma vinha não estiver plantada em um terreno apropriado ela não produzirá uma boa colheita.

Plantando Uma Vinha e Onde Plantá-la (20/09/1959) §§ 19-21

Nós temos na terra muitos crentes bons e agradáveis, e eles estão misturados em todas as igrejas denominacionais. Eles vêm de diferentes denominações e de diferentes caminhadas da vida. É por isso que em meu ministério nunca tentei em tempo algum perseguir nenhuma pessoa em particular, ou nenhuma denominação em particular; porque em todas elas há boas pessoas. Elas são pessoas chamadas e eleitas de Deus. (E assim também devemos fazer com todos os crentes da Mensagem, independente a que grupo pertençam, pois deve de haver genuínos filhos de Deus por todos eles) Poderia ter você condenado Israel enquanto ele estava no Egito? Eles apenas começaram com o pé errado, e os seus pecados lhes haviam separado de Deus, e eles foram plantados no Egito. É dessa maneira que muitas pessoas estão nas igrejas hoje: boas pessoas, mas plantadas em lugar errado. (Da mesma maneira não podemos condenar aqueles irmãos sinceros que possuem uma confissão unicista, "sou unicista com Cristo", se durante toda a sua jornada cristã foi só com isso que eles foram sustentados.) Agora, se um verdadeiro crente é trazido a Cristo e ele é plantado em alguma grande denominação que não crê em milagres, e sinais, e maravilhas do Senhor. Aquela pessoa pode ser um cristão genuíno, ou um católico, batista, presbiteriano, testemunha de Jeová, ou outra coisa. Naquela igreja, uma Vinha genuína de Deus, mas os credos denominacionais cortam a Vida daquela Vinha. Ela não pode produzir os seus frutos.

Essa é justamente a tática de Satanás. Ele consegue enredar boas pessoas e cristãos firmes com ensinos errados, sem às vezes sequer examinar se aquilo está correto ou não. São boas pessoas, mas elas retêm o errado achando que está correto.

Provando Sua Palavra (16/08/1964) §§ 60-61

Sabe, há uma Escritura na Bíblia, em 1 Tessalonicenses 5:21, onde está escrito: "Examinai tudo. Retende o bem." Quando qualquer coisa é examinada, isso será provado ser ou "correto" ou "errado." E quando houver qualquer coisa em questão, isso deve ser examinado (Ou seja, se alguma coisa não está bem, você como um filho de Deus deve investigar. Isso é um dever Seu como um filho de Deus e como um eleito) até se encontrar o que é correto. E então ao encontrar o que é correto, Ela disse: "Retende." Em outras palavras: "Agarre, não solte. Retenha!" Em outras palavras: "Retenha firme, para que não escape." (Ou seja, não rejeite isso, ainda que o teu pastor não creia nisso, firme-se nisso, guarde isso com você para não mais ser enganado, afinal você é um eleito e um eleito não pode viver enganado pelo resto da vida) Retende o bem, depois de ser provado estar "correto." E qualquer coisa que for provada "não estar correta," então solte isso o mais rápido que puder, afaste-se disso. Nunca retenha o que é errado. (Agora eu lhe pergunto: como você vai fazer para não reter o que é errado se você não examinar isso primeiro? Então você tem que investigar, do contrário você pode pensar que está crendo em alguma coisa que está certa quando na verdade não está. E é disso que o irmão Branham vai tratar a seguir.) Agora, é possível que cristãos firmes, pessoas boas, retenham às vezes, retenham o que é errado, achando ser correto. (Por que isso? Porque deixaram de investigar, confiando em seu pastor e na sua igreja, quando o irmão Branham disse aqui que esse é um dever teu examinar a fim de reter o que está certo e excluir o que não está) Mas então estas coisas deveriam ser provadas se são "corretas" ou "erradas." E é o dever de todos nós, (Veja, o irmão Branham repete isso: "É um dever. Essa é uma obrigação sua", e agora ele vai lhe dizer porque) pois que esperamos ir para o Céu quando Jesus vier. (Do que ele está falando? Está falando de Arrebatamento. Está falando de Salvação. Paulo disse à Timóteo: "Persevera na doutrina") E é o dever do ministro, quando se traz qualquer pergunta, que ele resolva isso, e então prove diante do povo, para que entendam, porque ninguém quer ser encontrado "errado," retendo o que é errado.

Veja que se alguém tem alguma consideração pelo seu ministro, essa pessoa deve perguntar a ele sobre um determinado assunto no qual ela está colocando sua confiança, para não correr o risco de poder estar retendo algo falso pensando ser verdadeiro. Isso precisa ser feito porque um pastor é como alguém que presta conta das almas que estão sob o seu ministério.

Hebreus 13:17

Obedecei a vossos pastores, e sujeitai-vos a eles; porque velam por vossas almas, como aqueles que hão de dar conta delas; para que o façam com alegria e não gemendo, porque isso não vos seria útil.

Fugindo da Aparência do Mal

Então veja que essa sempre foi a recomendação do irmão Branham: a qualquer sinal de algo estranho, fuja disso, afaste-se de toda a aparência do mal.

Perguntas e Respostas (15/10/1961) § 16

E conversando na - na sala ontem, onde alguns jovens cristãos estavam, eu disse: "Se você estivesse de pé aqui na estrada e um carro viesse descendo a estrada a noventa milhas por hora fora de controle, você não sairia daquela estrada o mais rápido que pudesse? Você pularia, deslizaria, faria qualquer coisa para sair do caminho daquele carro". E é assim que o pecado deve ser para um cristão, porque o pecado está associado à morte. E assim que você vê o pecado de qualquer forma, salte dele, afaste-se disso. Não me interessa o que você precisa fazer, afaste-se da aparência do mal. Porque lembre-se, associar-se ao pecado é morte. Da mesma forma que ficar de pé e deixar esse carro bater em você. Não espere e veja o que ele fará; saia do caminho. A aparência do mal, evite-o rapidamente. Quando você vê uma tentação chegar, e o pecado... Sabe, se é algo errado, aquela morte está à espreita após você. Vê? Então afaste-se da mesma maneira que você se afasta de um - um automóvel aproximando-se a noventa milhas por hora. Vê? Você teria que se afastar dele rapidamente, sair do caminho. Salte, deslize, corra de qualquer maneira, afaste-se disso.

Foi exatamente esse mesmo conselho que o apóstolo Paulo nos deu juntamente com outros.

1 Tessalonicenses 5:19-23

Não extingais o Espírito. Não desprezeis as profecias. Examinai tudo. Retende o bem. Abstende-vos de toda a aparência do mal. E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a Parousia de nosso Senhor Jesus Cristo.

Então veja que o alimento sólido não falsificado serve não somente para lhe dar amadurecimento, mas para manter o crente firme e inabalável e para resistir a todos os golpes que o diabo tente lhe desferir.

O Éden de Satanás (29/08/1965) § 13

Mas eu pensei que tentaria trazer algo à sua mente, com essas Escrituras que eu escrevi aqui, que esclareceria você, para saber, tornar você um soldado melhor no campo em que você está lutando agora; para aprender as táticas do inimigo, para que você possa bloquear tudo antes de chegar até você, veja. Essa é a principal coisa, é aprender a manter os golpes longe de você, tanto quanto você puder.

Os Que Ainda Estão na Árvore da Vida

Os frutos da árvore da ciência são os arrazoamentos contra a Palavra de Deus, que como vimos, produz uma religião de folhas de figueira, que é separação e morte, mas aqueles que pertencem à Árvore da Vida são regenerados e renovados em seus espíritos, e são estes que verão os novos céus e a nova terra para os quais lhes serão preparados.

Há Um Homem Aqui Que Pode Acender a Luz (29/12/1963) § 96

E está bem assim, saber como decompor um átomo. Quisera que eles nunca tivessem descoberto isso. Porém se eles... Eles têm de fazê-lo, porque este mundo está pendente hoje... Tinha de acontecer, para rebentar estes grandes buracos na terra, para deixar essa lava sair e rejuvenescer este mundo novamente, para fazer uma nova terra; onde os justos caminharão sobre as cinzas dos ímpios, no Milênio, onde o pecado será esquecido. Tudo tem uma maneira de se renovar. E o homem, a quem foi concedido viver nesta terra, pela sua própria sabedoria, tomando a árvore da ciência em vez da árvore da vida, ele destruirá a terra a qual Deus lhe dá para nela viver. Porém aqueles que ainda estão na Árvore da Vida, haverão de vir a um novo céus e uma nova terra, onde não há enfermidade nem morte. Luz! Luz, Senhor, envia-nos Luz.

Deus está lavando a Sua Igreja com a lavagem da Palavra mediante o Alarido deste tempo do fim a fim de remover toda a incredulidade e fazer com que Ela entenda os mistérios de Deus. É isso que permite a Noiva prestar a Deus um culto racional, vivendo e confessando a Palavra certa para este dia.

Perseverança (18/02/1962) § 17

Deus, lave nossos corações esta manhã. Lave-nos com a água da Palavra, para que possamos nos apresentar a Ti. Limpe-nos, Senhor, de toda incredulidade, para que possamos nos aproximar de Ti como um sacrifício vivo, santo e agradável para Deus, pois este é o nosso culto racional.