Separados Para a Palavra

25/12/2016

Separados Para a Palavra

25 de dezembro de 2016

Diógenes Dornelles

2 Coríntios 11:2-5

Porque estou zeloso de vós com zelo de Deus; porque vos tenho preparado para vos apresentar como uma virgem pura a um marido, a saber, a Cristo. Mas temo que, assim como a serpente enganou Eva com a sua astúcia, assim também sejam de alguma sorte corrompidos os vossos sentidos, e se apartem da simplicidade que há em Cristo. Porque, se alguém for pregar-vos outro Jesus que nós não temos pregado, ou se recebeis outro espírito que não recebestes, ou outro evangelho que não abraçastes, com razão o sofrereis. Porque penso que em nada fui inferior aos mais excelentes apóstolos.

Paulo disse que assim como Satanás conseguiu corromper os sentidos de Eva ao apresentar para ela uma outra palavra, o mesmo poderia vir a acontecer com a igreja que estava sendo formada naqueles dias. Como Eva foi enganada ao ser levado até ela um outro marido, este é exatamente o mesmo problema que Paulo diz estar se repetindo, quando um outro marido estaria sendo apresentado à Igreja. A palavra "corromper" vem do grego "phtheiro" ("φθειρ ω") que significa "contaminar ou em menor grau danificar algo"; "desviar-se de um estado de conhecimento e santidade, no qual o crente deve permanecer"; "ser destruído"; "perecer"; "depravar". E exatamente como Paulo previu, a simplicidade do Evangelho da salvação tem sido substituída hoje por um evangelho corrompido e contaminado.

Os Efeitos Naturais e Espirituais da Hibridação

Um dos resultados do pecado de Eva por ter permitido que sua mente se corrompesse pela astúcia da serpente foi a hibridação. Primeiro essa hibridação ocorreu no reino espiritual, quando a Palavra de Deus foi misturada com uma mentira, até que essa hibridação se expandiu também para o lado físico com o nascimento de Caim.

Condenação Por Representação (13/11/1960) § 111

Uma mulher vive impura ao seu marido; o marido vive impuro à sua esposa e trazem uma criança híbrida. Oh, alguma mulher diria: "Oh, ele não é bonito, um grande companheiro alto". Essa é a mesma coisa que talvez Eva pensou. Ela trouxe uma criança híbrida, e o filho híbrido foi Caim; e através de Caim veio gigantes. Sempre foi a maldição do Senhor: híbrido. Fique longe disso: religião híbrida. Não misture isso.

Então veja que a falsa religião funciona dessa maneira, com a mistura da Palavra de Deus com os ensinos do homem, cuja contaminação sempre se reflete também no reino físico e natural. É por causa do problema espiritual que a hibridação acarreta, que Deus sempre alertou o Seu povo a não fazer qualquer tipo de mistura. Deus sempre Se mostrou contra a prática de misturar as sementes justamente por causa do resultado dessa mistura que sempre acaba sendo prejudicial e leva à morte.

Deuteronômio 22:9

Não semearás a tua vinha com diferentes espécies de semente, para que não se degenere o fruto da semente que semeares, e a novidade da vinha.

Então veja que Deus advertiu Israel a nunca fazer qualquer tipo de mistura com as sementes a fim de se evitar a contaminação, tudo isso levando em consideração exatamente o que sucedeu no princípio quando as sementes se misturaram, que ocasionou na perversão de toda a raça humana.

Na Hebrew Names Version diz:

Não semearás a tua vinha com dois tipos de semente, para que não se perca o fruto inteiro, a semente que semeaste, e o aumento da vinha.

Na The Complete Jewish Bible diz:

Não deverás semear dois tipos de sementes entre as tuas fileiras de vinhas, se fizeres, tanto as colheitas como o rendimento das videiras devem ser perdidas.

Na Ortodox Jewish Bible diz:

Não semearás o teu kerem com sementes diferentes; para que o fruto da tua zera, que foi semeada, e o fruto do teu kerem, sejam contaminados.

Então essa Escritura diz que a mistura das sementes faz com que as suas naturezas genuínas se percam e se contaminem. Eu tratei há tempos atrás de um tema intitulado "Posicionados em Cristo", onde eu fiz um rápido comentário sobre essa passagem da Bíblia. Deus gosta que as coisas tenham a aparência de como elas realmente são, porque algo que seja misturado é sempre enganoso. O falso em si não é enganoso, mas aquilo que aparenta ser verdadeiro. É por isso que o irmão Branham sempre dizia que ansiava por ver o dia em que as pessoas pudessem ser exatamente aquilo que elas aparentavam ser, porque uma coisa manufaturada e faz de conta é sempre enganosa.

Veja que Eva aceitou a proposta da serpente que resultou na mistura das sementes, porém antes que houvesse uma mistura no natural, houve uma mistura espiritual quando ela aceitou a hibridação da Palavra de Deus. Como dissemos no estudo anterior, antes que ocorra um adultério físico ele acontece primeiro no espírito, e foi exatamente isso que sucedeu com Eva, que permitiu primeiro que o seu útero espiritual fosse fecundado com uma semente híbrida, vindo depois tudo isso se repetir no seu útero físico. Eva foi a primeira misturadora da criação, quando misturou a Palavra de Deus com algo falso. A Palavra jamais deve ser misturada com qualquer outra coisa. Ela deve ser aceita exatamente da maneira como Deus falou.

A Palavra Falada é a Semente Original 1 (18/03/1962) §§ 89-91

O que Eva tentou fazer? (refere-se à Palavra) Hibridá-La, misturá-La com algo. Você tem que aceitá-La da maneira que Deus A falou. Ela não se misturará com nada. Não senhor. Jesus uma vez disse: "Se você tivesse a fé como um grão de mostarda". Me disseram que o grão de mostarda não será hibridado. Você não pode misturá-lo com nada. Você pode misturar outros grãos, mas você não pode misturar o grão de mostarda, veja, porque ele não será hibridado. (Como o grão de mostarda, a fé genuína jamais poderá ser misturada ou hibridada com qualquer outro ensino ou doutrina. Sua natureza não permite nenhum tipo de mistura) E se você tem esse tipo de fé! (Ou seja, uma fé que permite ser misturada) Essa de tirar uma Palavra de Deus, é aí onde muitos ministros se quebram...

O irmão Branham está repreendendo essa prática das pessoas misturarem a Palavra de Deus com a palavra do homem, porque a hibridação espiritual cria uma perversão da verdadeonde muitos ministros tem se corrompido. Porém o cruzamento e a mistura nunca foi algo bíblico e na natureza esse tipo de prática tem provocado danos às plantas e por consequência ao próprio homem.

Desde as descobertas feitas pelo padre Mendel, que desvendou como fazer a polinização artificial de plantas, ocorreram muitas perversões nas linhagens de quase todas as substâncias alimentares de consumo animal e humano, enfraquecendo o alimento por pervertê-lo. Hoje há muitas pesquisas que afirmam que os alimentos transgênicos são prejudiciais à saúde. O Instituto Nacional do Câncer fez uma declaração em 2015 de que os alimentos transgênicos e os agrotóxicos necessários para o seu cultivo provocam câncer, isso porque o cultivo das sementes que são geneticamente modificadas exigem o uso de grandes quantidades destes produtos.

Hoje a cadeia alimentar está tão fraca que as sementes devem ser fecundadas quimicamente e pulverizadas para mantê-las livres de pragas e bactérias. Eles não possuem mais uma imunidade ou proteção natural. E o irmão Branham disse que isso também de alguma forma tem se refletido no espiritual, quando muitos que se dizem cristãos encontram-se em uma situação espiritual fragilizada, que facilmente se deixam corromper por qualquer falsa doutrina que seja apresentada, ou que seja afetado emocionalmente por alguma situação adversa que surge.

Comunhão (04/02/1962) § 99

Como plantas de estufa. Sabe, tira-se uma planta fora da estufa, e tem-se de mimá-la. Ela não conhece o tempo. Não conhece mais o brilho do sol e coisas, sempre foi coberta e mimada. E é esse o problema dos muitos assim chamados cristãos, eles são plantas de estufa. Isso mesmo, sujeitas a todo inseto que aparece. Sabe, é como as plantas delicadas que têm de ser pulverizadas, ou, as plantas híbridas.

Veja que o próprio Deus nos alertou para não mexermos com a fertilização cruzada de sementes, como acabamos de ver em Deuteronômio. Então Deus considera que qualquer mudança na natureza causada pela hibridação das plantas é uma perversão da natureza dessas mesmas plantas. E Deus criou cada semente e a sua natureza para um propósito específico.

A Contaminação do Evangelho

Portanto misturar várias sementes juntas ou semeá-las em estreita proximidade é contra a vontade de Deus porque a polinização cruzada resultante que ocorre faz com que as plantas alterem a sua natureza, e assim os frutos das plantas se contaminam. A palavra "contaminado" significa "poluir", "rebaixar a pureza ou a excelência de"; "corromper". E isso é exatamente o que o apóstolo Paulo disse que alguns homens haviam feito em seus dias com o Evangelho que ele havia pregado, acrescentando algo aqui e tirando algo ali. Eles haviam poluído o Evangelho nas igrejas de Corinto e na Galácia, introduzindo ao povo um outro Jesus e outro espírito.

Gálatas 1:6-7

Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho; o qual não é outro, mas há alguns que vos inquietam e querem transtornar o evangelho de Cristo.

Então veja que esta outra semente que está sendo semeada está sendo misturada com a semente original, e está causando uma perversão da vida original que estava na semente. E então o que Paulo está nos dizendo aqui a respeito de Sua mensagem é exatamente o que Deus disse que o homem não deveria fazer a respeito das sementes no natural, pois tudo se contaminaria.

O Caminho da Perversidade

Agora, tudo que Paulo fez foi dar os mesmos conselhos que Moisés havia dado, e Moisés estava tão certo de que aquilo que ele ensinava não deveria ser alterado, que ele disse que quem alterasse atrairia a maldição de Deus sobre si.

Deuteronômio 11:26-28

E eis que hoje eu ponho diante de vós a bênção e a maldição; a bênção, quando cumprirdes os mandamentos do Senhor vosso Deus, que hoje vos mando; porém a maldição, se não cumprirdes os mandamentos do Senhor vosso Deus, e vos desviardes do caminho que hoje vos ordeno, para seguirdes outros deuses que não conhecestes.

Para aqueles que se desviavam dos Seus caminhos, o Senhor lhes chamava de geração pervertida.

Deuteronômio 32:20

E disse: Esconderei o Meu rosto deles, verei qual será o seu fim; porque são geração perversa, filhos em quem não há lealdade.

Ou seja, a um povo que não tem fé e nenhuma revelação Deus esconde o Seu rosto deles. Eles não podem recebê-Lo. Eles têm uma forma de piedade, mas negam o seu poder. E esse poder que eles não têm é o poder vivificador.

Agora, esta palavra "perversa" foi traduzida da palavra hebraica "tahpukah" ("תהפכה"), que quer dizer "perversidade", "coisa perversa", e ela vem de outra palavra hebraica "haphak" ("הפך"), que significa "subverter", "ser virado, mudado", "ser voltado contra", "virar-se para uma e outra direção", "tornar-se contra". Portanto a Escritura está falando de pessoas corruptas, que não podem receber a Verdade pelo o que ela é, mas apenas receber uma verdade tortuosa e pervertida. Foi o que Paulo disse quanto à dificuldade de pessoas que não são nascidas do Espírito de poder compreender a verdade de Deus.

1 Coríntios 2:14

Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.

Um Coração Para Entender, Olhos Para ver e Ouvidos Para Ouvir

Portanto ser nascido de Deus significa receber do próprio Espírito de Deus o entendimento de Sua Palavra. Isso não era um ensino pessoal de Paulo, isso foi algo que Deus lhe mostrou e que era respaldado pelas próprias Escrituras, pois Moisés disse que aquela geração perversa não estava entendendo a Palavra porque o próprio Deus não estava lhe dando a revelação da mesma.

Deuteronômio 29:2-4

E chamou Moisés a todo o Israel, e disse-lhes: Tendes visto tudo quanto o Senhor fez perante vossos olhos, na terra do Egito, a Faraó, e a todos os seus servos, e a toda a sua terra; as grandes provas que os teus olhos têm visto, aqueles sinais e grandes maravilhas; porém não vos tem dado o Senhor um coração para entender, nem olhos para ver, nem ouvidos para ouvir, até ao dia de hoje.

Então a menos que Deus mesmo revele a Sua Palavra para os crentes é impossível para eles conhecerem e entenderem as coisas de Deus, mesmo que um profeta enviado por Deus esteja diante deles com sinais e uma mensagem vindicada. Foi o que Deus fez quando enviou Moisés em seus dias, e foi o que Deus fez agora nesta última era da igreja quando nos enviou o Seu profeta. Toda a geração perversa ficará sem entender a Sua Mensagem a menos que Deus mesmo lhes conceda um coração para entender, olhos para ver e ouvidos para ouvir. Do contrário, a única coisa que o povo conseguirá crer será em uma mensagem variante.

Abraçando Uma Mensagem Variante

Gálatas 1:6 [da tradução em inglês da Bíblia "A Mensagem"]

Eu não posso acreditar em sua inconstância, na facilidade com que vocês traíram Aquele que vos chamou pela graça de Cristo, abraçando uma mensagem variante...

A palavra "variante" significa "ter ou mostrar variações". E uma mensagem variada da verdade é uma palavra que foi desviada dela. É algo que foi hibridado com alguma outra coisa, e infelizmente é somente nesse tipo de mensagem variada que alguns conseguem crer e aceitar. Portanto os gálatas estavam recebendo uma mensagem desviada e um pouco diferente daquela que Paulo pregou. Porém não se esqueça que os gálatas conheceram a verdade original. Eles tiveram acesso a ela e a receberam de bom grado. Os gálatas tiveram a informação correta, porém isso não foi vivificado neles, e o fato deles terem trocado aquela mensagem por uma versão variante dela é simplesmente porque alguns não receberam um coração para entender, olhos para ver e ouvidos para ouvir. Simplesmente. E isso fez com que eles entrassem no erro.

Depois Paulo continua: "Estas variações nem tampouco são variações pequenas, vocês sabem; (Sim. Nós vimos no estudo anterior, "O Útero do Espírito", a grande diferença que uma tradução causou, onde o profeta disse "let us", mas na tradução feita para o português foi acrescentada uma palavra que o irmão Branham não havia dito, que foi "make", o que mudou todo o sentido da Mensagem, onde homens que não receberam um coração para entender, nem olhos para ver e nem ouvidos para ouvir criaram uma falsa doutrina com aquela pequena variação. Foi um pequeno acréscimo, uma pequena variação, mas que fez muita diferença) é completamente outro evangelho, uma mensagem diferente da que eu trouxe para vocês. (Se no Alfa da Igreja fizeram isso com a mensagem do primeiro mensageiro, certamente que isso iria se repetir no Ômega, com a mensagem do último mensageiro) Tornou-se umamensagem estranha. Ela poderia muito bem nem ser uma mensagem para você, porque é uma mentira acerca de Deus. Aqueles que estão provocando o confronto entre vocês estão mudando a mensagem de Cristo em sua cabeça. Deixe-me ser franco: Se um de nós, mesmo se um anjo do céu fosse pregar algo diferente do que originalmente pregamos, que seja anátema. Digo isso uma vez; vou dizer outra vez: Se qualquer um, independentemente da reputação ou credenciais, pregar algo diferente do que você originalmente recebeu, seja anátema. (Também já comentamos que muitos creem em um falso ensino ou mensagem variante simplesmente por causa da reputação de quem a entregou. Porém um ministro que faz isso pode ter muita credibilidade perante os seus seguidores, mas não possui nenhuma diante de Deus) Vocês acham que eu falo isto fortemente a fim de manipular as multidões? Ou para conseguir favores com Deus? Ou obter aplausos populares? Se o meu objetivo fosse popularidade, eu não seria escravo de Cristo. Saibam isso, eu serei o mais enfático aqui, amigos, esta grande Mensagem que entreguei a vocês não é um mero otimismo humano. Eu não a recebi por meio de tradições, e eu não fui ensinado em alguma escola. Eu a recebi diretamente de Deus. Recebi a Mensagem diretamente de Jesus Cristo.

É por isso que o irmão Branham disse que a Palavra de Deus jamais deve ser alterada, porque sendo Ele infinito, nunca precisou mudar a Sua Palavra. Qualquer mudança que fosse apresentada na Palavra de Deus seria uma coisa pervertida, e da mesma maneira, qualquer mudança que fosse feita na doutrina da Mensagem, seria uma perversão dela.

Há Somente Um Caminho Provido Por Deus Para Qualquer Coisa (31/07/1963) §§ 26-27

Qualquer outra maneira além dessa maneira seria uma maneira pervertida para Deus. Deus só pode ter uma maneira de fazer qualquer coisa. Sua primeira maneira é sempre a única maneira que Ele pode alguma vez fazer. Pois Deus, ao fazer uma escolha ou uma decisão, deve sempre permanecer com essa decisão. E se Ele muda essa decisão por uma maneira melhor, então isso mostra que Deus não é Deus, Ele não é infinito; Ele encontrou algo melhor do que Ele sabia no princípio. Ele não muda. Ele torna os Seus caminhos perfeitos. Suas Palavras são perfeitas. E qualquer maneira que tira ou acrescenta a qualquer coisa que Deus providenciou, está errado. Eu creio no último livro da Bíblia, chamado Apocalipse, está escrito: "Se alguém lhes acrescentar uma palavra ou tirar uma palavra disso, sua mesma - ou sua parte será tirada do Livro da Vida".

Então observe que Moisés, Paulo e William Branham disseram praticamente a mesma coisa. "Desviar-se ao acrescentar ou tirar algo do que Deus fez ou falou criará uma perversão e assim você será não somente contaminado, mas amaldiçoado por Deus".

A palavra "perverter" significa "afastar-se do que é certo, apropriado ou bom"; "corromper"; "trazer para uma condição ruim ou pior"; "degradar"; "manchar ou contaminar"; "fazer com que se torne podre"; "estragar"; "alterar a forma original". Deus disse de uma maneira, mas o homem distorce o que Deus falou ou mesmo o que o profeta disse, modificando com um pequeno acréscimo o sentido do que foi dito. E nós sabemos que quando algo se torna podre ou corrompido a vida do mesmo se vai embora, e o que resta agora é algo que está em um estado alterado, não mais como o original.

Nada Pode Ser Misturado ao "Assim Diz o Senhor"

Então nada deve ser misturado à Palavra de Deus.

Quarto Selo (21/03/1963) §§ 325-328

Os que misturaram, tornaram-se amarelos e se vão à morte. É pervertedor, uma perversão, misturar cores com o branco; você perverte a cor original. Certo? Se a cor original, a única cor, é a branca, e você mistura alguma coisa com ela, você perverte sua verdadeira causa. Amém. Está certo? E, quando, se Ele é o cavalo branco, e Ele é a Palavra; então, misturar qualquer coisa com Isso, qualquer tipo de credo, acrescentar uma palavra a Ela, tirar uma Palavra Dela, é perverter a coisa inteira. Oh, que coisa! Mantém-me com a Palavra, Senhor! Verdade e erro! Oh, que coisa! Não importa quão bom seja... A verdade e o erro não se podem misturar. Não se pode misturar. Ou é o ASSIM DIZ O SENHOR ou está errado. Não importa qual santo padre tenha dito isso, São Bonifácio, ou - ou o arcebispo de Canterbury; não sei quem disse. Se for contrário à Palavra, é perversão. Não se mistura. Dizem: "Ora, este fez..." Não me importa o que ele fez, quão santo ele seja, ou qualquer coisa assim. Esta é a única Verdade direta que temos. Nenhuma igreja, nenhum credo, tem Verdade alguma, se estiver fora Disto.

Coisas Que Não Foram Assim Desde o Princípio (20/01/1961) § 2 [sem tradução]

Agora, nós descobrimos que quando Jesus veio, Ele encontrou mestres que haviam tomado a Palavra de Deus e tinham pervertido para se adequarem. (Em todas as eras sempre foi assim. Quando alguém não consegue aceitar a Palavra como Ela é, então ele tenta criar uma variação Dela para que finalmente sua vida possa se adequar a isso) Eles tinham tomado os mandamentos de Deus e pervertido em um credo. Agora lembre-se, há somente um Criador, e todos... Satanás não é um criador. O que é pecado? O pecado é a injustiça, e a injustiça é a justiça pervertida. Talvez eu torne isso mais claro. Eles estão... Vocês são uma congregaçăo mista. (Esta mensagem foi pregada em Beaumont, Texas) Ouça o seu médico; eu sou seu irmão. Para o homem viver com sua esposa é justiça. Ele está casado com ela. O mesmo ato com outra mulher é morte. Um traz vida, o outro é morte. Vê? A injustiça é a justiça pervertida. O que é uma mentira? É a verdade deturpada. Então foi isso que Jesus fez. E o que todos nós vamos entrar, enquanto nós tiramos e acrescentamos ou removemos da Palavra de Deus, isso é perverter a Palavra de Deus. Então quando Jesus veio, Ele descobriu que eles tinham tomado a Palavra de Deus e A perverteram, e fizeram uma tradição de homem. E Ele disse: "Por que vocês mudaram a Palavra de Deus? Ao tomar suas tradições, e mudando a Palavra de Deus, fizeram-Na dizer algo que Ela realmente não disse..."

Uma Geração Híbrida

Então veja que o resultado da Palavra de Deus ter sido misturada foi que hoje nós possuímos uma geração de misturadores, pois a palavra corrompida que eles receberam fez com que eles se conformassem com o mundo. Os cristãos estão se tornando tão híbridos quanto o outro evangelho que eles receberam.

Virando-se em Direção ao Norte (29/01/1961) §§ 17-18

Como disse David DuPlessis, há não muito tempo atrás, que Deus não possui nenhum neto. Isso é verdade. Nossas igrejas pentecostais trazem os seus jovens, e os assentam, e os colocam como membros da igreja. Eles nunca passaram pelo processo do novo nascimento e de serem cheios do Espírito Santo, e por conta própria. Nós simplesmente os levamos à igreja. O que eles conseguiram? Um monte de cortes de cabelo, Rickeys, que correm aqui pelas ruas, como o resto do mundo; mulheres com cabelos cortados, usando maquiagem e tudo mais - é uma desgraça - tentando se moldar com o mundo em vez de seguir o ponto de vista espiritual. Tivemos uma porção de grandes movimentos em nossas grandes igrejas, tratando de ser maior que o outro, cortando os demais, e trabalhando por nossas organizações, denominações. O que nós conseguimos? Estamos incubando um monte de gente híbrida, em vez de filhos de Deus nascidos de novo. (E hoje temos também crentes híbridos de uma Mensagem variante) Isso mesmo. Híbridos - uma das ruínas do mundo. Um híbrido nunca pode cruzar-se novamente. Quando uma mula nasce... A mula não pode ser nada mais do que uma mula. Isso é tudo o que ela é. Assim que nasce, ela é uma mula. Ela é mestiça. Ela está entre o cavalo e a jumenta. Ela não sabe quem é o seu pai e quem é a sua mãe, de onde vem, ou para onde vai. Ela é a mais ignorante que existe. Ela não tem mansidão. Você lhe fala, e ela só levantará suas orelhas e rinchará, "honk, hoonk," com suas grandes orelhas levantadas. Ás vezes eu fico em volta pregando para um monte dessas mulas, que não sabem de Deus mais do que um hotentote sabe sobre uma noite egípcia. Levantam suas orelhas e dizem: "Os dias de milagres já passaram. Não há tal coisa". É um híbrido. E pode pertencer a uma organização pentecostal que... Pode pertencer a qualquer outra organização, menos um homem e uma mulher nascido de novo...

Outro Jesus, Outro Espírito e Outro Evangelho

Paulo disse aos gálatas que eles estavam crendo em outro evangelho, e a palavra que ele usou para "outro" no grego foi "heteros", que quer dizer "algo que não seja da mesma natureza, forma, classe, tipo", "diferente", de natureza diferente. E para conhecermos a natureza de qualquer coisa basta sabermos o que ela produz, porque cada semente produz conforme a sua natureza. Entãoo que Paulo estava dizendo é isso: "Embora vocês possam estar usando as minhas palavras para dizer o que vocês estão dizendo, uma natureza muito diferente está sendo apresentada e isso irá afetar a forma como os outros creem no que eu disse".

Agora, Paulo também usou essa mesma palavra "heteros" em 2 Coríntios 11, onde ele fala das pessoas que recebem um outro espírito, tratando neste caso de um outro espírito que possui uma natureza diferente também. Então eles têm um "heteros" espírito que produz um "heteros" evangelho. Um evangelho de uma natureza diferente produzido por um espírito de uma natureza diferente.

2 Coríntios 11:4

Porque, se alguém for pregar-vos outro Jesus que nós não temos pregado, ou se recebeis outro espírito que não recebestes, ou outro evangelho que não abraçastes, com razão o sofrereis.

Neste caso eles estão pregando um Jesus totalmente diferente, e, portanto, eles recebem um heteros espírito que é de uma natureza diferente, porque seu evangelho tornou-se um heteros evangelho, que é um de natureza diferente. Eles estão apenas repetindo o Evangelho, mas não estão ecoando o mesmo, porque se eles ecoassem o que Jesus disse eles também teriam o mesmo Espírito e, portanto, a mesma natureza por trás do que foi dito. Mas ao usar as mesmas palavras, porém sem o mesmo Espírito que dá vida à Palavra, então ao usar as mesmas letras sem a mesma natureza, eles torcem o que foi dito de uma maneira diferente.

Então eles estão pregando um Jesus diferente, não apenas de natureza diferente, mas totalmente diferente, e porque estão pregando este Jesus diferente, o espírito que eles recebem também é de uma natureza diferente e embora eles usem os mesmos termos, o evangelho deles se torna de uma natureza completamente diferente. O que aconteceu é que a Palavra da Semente original foi misturada com outra semente, e perverteu a Mensagem de Deus pela hibridação para uma mensagem diferente, e assim a vida que estava no original foi embora e substituída por outro espírito de outra vida, uma vida de natureza diferente. Portanto, se não é o Espírito Santo, deve ser um espírito profano que eles estavam recebendo.

Então o que Paulo estava alertando era de que as pessoas não estavam exatamente ouvindo a uma mensagem que fosse totalmente diferente; era a mesma mensagem, porém ela possuía uma natureza diferente porque era uma perversão da Mensagem que ele tinha apresentado pela primeira vez. Embora diferente, era muito parecida com a original.

Então se o Alfa se torna Ômega,o irmão Branham já nos avisou o que aconteceria. Sendo assim, a mesma coisa tem que suceder nesta hora. A Mensagem tornou-se pervertida, e já não possui a mesma natureza pura desde que foi ensinada pelo irmão Branham, mas o que tem sido ministrado hoje é de uma natureza pervertida que assumiu o lugar da original, onde a maioria das pessoas se tornou unicistas em seu pensamento, por causa de uma mensagem variante.

Somos Todos Nazireus

Então se Deus não quer que os Seus filhos misturem a Sua Palavra com nada, está claro que o Seu desejo é de que eles façam uma separação. O homem busca por misturadores, mas Deus quer separadores. O irmão Branham ensinou uma Mensagem de separação do mundo e de santidade na Presença de Deus. Deus quer que toda a Sua Igreja seja nazarena, ou seja, que os eleitos não contaminem a Palavra de Deus e nem suas próprias vidas com nada deste mundo, mas que vivam suas vidas separadas para o Senhor, da mesma maneira como todos os profetas foram nazireus por viverem separados para a Palavra.

A Palavra de Deus Chama Para Uma Total Separação da Incredulidade (21/01/1964) § 26, 30-32, 40, 42-44, 59

Isso mostra que você tem se separado para ser cristão, agir como um, viver como um, obedecer a cada mandamento de Deus. E é um - é um voto de nazireu, para se separar, um chamado de Deus que o separa das coisas do mundo. (...) Paulo era um nazireu para o Senhor. Ele foi separado de sua igreja ortodoxa, para a Palavra do Deus vivo. Arão era um nazireu para o Senhor. Ele foi separado dos irmãos, para carregar as pedras de nascimento e ser o sumo sacerdote. Isso é uma separação total. Não devemos mais voltar para o mundo, nem ter nada a ver com o mundo, mas unir-nos somente a Deus. Jesus está vindo após uma Noiva, uma Mulher, uma Igreja que esteja separada das coisas do mundo, ou dos cuidados do mundo. Ela está separada das modas desta era moderna em que vivemos. Ela está separada dos cuidados e das tradições das igrejas. Ela está separada somente para Deus, e Deus é a Palavra. E como o marido e a mulher são um, assim a Noiva e a Palavra se tornam Um, pois a Palavra está vivendo através da Noiva. É assim que é. Essas são as suas credenciais. Essa é a sua identificação. (...) A única credencial que um crente possui é a Palavra de Deus vivendo nele, declarando que Jesus Cristo vive nessa pessoa. Esse é um nazireu separado para o Senhor, separado por causa da Palavra. A Palavra do Senhor vem ao profeta e vindica a Palavra para aquela geração. E os profetas sempre foram nazireus, separados de tudo mais para obedecer à Palavra de Deus. (...) Agora, o primeiro homem se separou, o primeiro Adão, da Palavra, para ir com sua esposa que questionou se Deus guardaria Sua Palavra ou não. Que tipo perfeito do crente morno e carnal, que ainda quer se apegar ao que sua tradição diz, em vez de aceitar o que a Palavra diz. Um tipo muito real! Ele foi separado, para sua esposa. O crente carnal está separado da Palavra, para a igreja. Mas quando o segundo Adão foi criado no ventre de uma mulher e veio ao mundo, Ele era um nazireu para a Palavra de Deus. (Aqui o irmão Branham disse que Jesus foi um nazireu por ter vivido uma vida separada para Deus, porém isso não deve ser confundido com os votos de consagração do nazirato, conforme Números 6, dos quais Jesus não cumpriu) Ele estava separado do mundo, para a Palavra. (...) Quando um homem nasce no mundo, para um - um crente, ele se torna um nazireu quando se separa de tudo o que é contrário à Palavra. Uma separação total! Jesus disse: "Eu vim para separar um homem de sua esposa, rasgar uma família, e quem não quiser tomar a sua cruz e Me seguir não é digno de ser chamado de Meu". Uma separação de tudo, de qualquer coisa; da igreja, de - de uma comunidade, de uma crença, ou de uma família, ou de qualquer coisa que estivesse entre você e a crença em toda a Palavra de Deus. Se a tua alma não pontuar todas as promessas para esta hora com um "amém", há algo de errado em algum lugar. Você precisa de uma separação.

Então ao invés de misturarmos a Semente-Palavra com as opiniões e juízos do homem, Deus quer que mantenhamos uma separação de toda a incredulidade e que vivamos só para Ele.

O Que Faremos Com Este Jesus Chamado Cristo? (26/01/1964) § 73

Um nazireu é um que... o quê? Aquele que se separa, para a Palavra de Deus; não faces pintadas, Jezabéis, chamando-se de cristãos; não senhor; homem, tão insípido, que sai para defender uma denominação, e segurar os seus casacos, de algum César ou Herodes, em vez de defender a Palavra de Deus. Mas Deus tem pessoas leais, o verdadeiro rebanho de Deus, que não se importa com o que o mundo diz. Eles creem que Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e eternamente.

Perseverante (05/03/1964) § 53

Um nazireu significa "separado para a Palavra". (Ele não somente sabe separar a Palavra de qualquer coisa que A contamine, mas ele mesmo evita se contaminar) Que coisa boa seria esta noite se todos os cristãos fossem nazireus para o Senhor; separados não para os credos, mas para a Palavra. Cristo é essa Palavra. Separado para a Palavra!

Se Paulo disse que já estavam pregando uma mensagem variante na era da igreja alfa, então não é nenhuma surpresa quando o irmão Branham disse pouco antes de partir de ter conhecimento da existência de pelo menos 17 versões diferentes da sua Mensagem sendo pregada na igreja ômega. E se isso foi em 1965, como há de ser agora que já se passaram mais de 50 anos desde sua partida?

Como vimos em outra ocasião, Paulo afirmava que o Evangelho que ele estava pregando não foi dado a conhecer a ele por intermédio da revelação dada por algum homem, mas ele o recebeu diretamente de Jesus Cristo, O qual lhe apareceu, exatamente como aconteceu também com o irmão Branham. Ele não o obteve por nenhum grande esforço de estudo de sua parte. Ele obteve sua Mensagem do próprio Deus que apareceu a ele e A revelou. E é quando se obtêm a revelação da Palavra que se pode fazer uma confissão da mesma, pois Paulo disse:

Romanos 10:9

Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo.

E João também disse:

1 João 4:15

Qualquer que confessar que Jesus é o Filho de Deus, Deus está nele, e ele em Deus.

Nesta Escritura de João é feita a promessa de que há um certo benefício que nós receberemos, e neste caso, passa a ser o de que Deus habitará em nós e nós Nele. Mas como o irmão Branham nos ensinou, você não pode confessar que Jesus Cristo é o Filho de Deus a menos que você tenha nascido de novo pelo Espírito de Deus, o mesmo Espírito que ressuscitou Jesus dentre os mortos. E se nascemos de novo do Espírito de Deus, então é provável que esse mesmo Espírito de Deus habite em nós.

Nós já vimos que o que faz com que a Palavra se perverta é adulterarmos Ela com algum acréscimo de um pensamento humano, pois isso A faz Se tornar algo diferente do que Ela realmente é. Portanto o que precisamos fazer é confessar a Palavra exatamente como Deus A revelou. É por essa razão que devemos apropriadamente examinar o que significa exatamente confessar que Jesus é o Filho de Deus, pois ao sabermos disso, também compreenderemos melhor por que é dito que Deus virá até nós e que nós estaremos Nele por causa dessa confissão.

Confessar Significa Dizer a Mesma Palavra

Nessas duas Escrituras que mencionamos a pouco, Paulo e João usaram a mesma palavra grega para confissão, que foi "homologeō", que é a união das duas palavras "homo" e "logos". Então vemos que esta palavra "confissão" vem dessas duas palavras gregas. A palavra grega "homo" significa "o mesmo", enquanto que "logos" quer dizer "palavra". Portanto "homologeō" ou "confessar" significa "ter a mesma Palavra". Então se lermos agora essa Escritura de João, deveríamos lê-la da seguinte maneira: "Qualquer que tiver as mesmas palavras e disser as mesmas palavras de que Jesus é o Filho de Deus, Deus habitará nele, e ele em Deus". Então o que Paulo e João disseram foi: "Aquele que disser as mesmas palavras de Deus...". Jesus disse: "Como um homem pensa em seu coração assim ele é, pois da abundância do coração fala a boca". Então se primeiramente estivermos com nossas mentes e corações cheios dos pensamentos de Deus, nós saberemos dizer as mesmas Palavras de Deus.

E o irmão Branham nos disse que a palavra "confissão" significa dizer a mesma coisa.

Cristo (21/02/1955) § 49 [sem tradução]

Você não está usando os seus próprios pensamentos; você está usando os pensamentos Dele. "Deixe que a mente que estava em Cristo esteja em vós". Vê? Pense da Sua maneira de pensar; diga o que Ele diz. "Confissão" significa "dizer a mesma coisa". "Confissão" é confessar a mesma coisa, dizer a mesma coisa. Então não confesse sua própria concepção mental. Seja nascido de novo e confesse a Sua Palavra, confesse o que Ele disse. Isso é confissão. Diga: "Pelas Suas pisaduras, eu fui sarado". Por Suas pisaduras eu tenho um direito - por Suas feridas, agora, eu tenho um direito à salvação. Eu tenho um direito ao Espírito Santo. Ele prometeu isso para mim. Disse: "É para vós e vossos filhos, e para os que estão longe, e para todos quantos o Senhor nosso Deus chamar". Eu creio nisso. É para qualquer geração.

Não Tenhais Medo, Sou Eu (29/06/1962) § 9 [sem tradução]

Eu somente creio na Palavra e somente fico exatamente com a Palavra. E qualquer pensador equilibrado saberá que essa Palavra está certa. Ela simplesmente tem que estar certa. Vê? E eu não coloco qualquer interpretação a isso. Eu tento simplesmente lê-la da maneira que se lê, depois dizer a mesma coisa. Isso é confessar. "Confessar" significa a mesma coisa, igual, "Ele é o Sumo Sacerdote de nossa..." Bem, o King James diz "profissão". Mas "professar" e "confessar" é a mesma coisa. Vê? Então "confessar", significa dizer a mesma coisa que Ele disse. "Pelas Suas pisaduras eu fui sarado". Eu estou confessando. Vê? Eu estou confessando a mesma coisa que Ele disse, veja. Eu estou fazendo uma confissão. Isso é o que está em tribunal. Você tem que dizer a mesma coisa. Agora, eu sou... Ao meu grande Sumo Sacerdote, pois "Ele está assentado à direita da Majestade, para fazer intercessões sobre a minha confissão".

Portanto enquanto estivermos dizendo a mesma coisa que as Escrituras dizem jamais nos contaminaremos com nada e tão pouco perverteremos a Semente-Palavra com um produto híbrido. Os eleitos de Deus irão proferir a mesma Palavra e dirão exatamente a mesma coisa que Ela diz sem alterar ou acrescentar nada, pois eles são nascidos neste mundo como nazireus, separados para a Palavra.